‘Jazz, Sunset e Meia’ estreia-se em Aveiro

998
'Jazz, Sunset e Meia', Aveiro.

O jazz visita o centro de Aveiro para a primeira edição do Jazz, Sunset e Meia que se realiza a 7 e 8 de setembro.

Neste evento de entrada gratuita, a Escadaria do Edifício Fernando Távora acolhe uma programação variada, sempre em torno do jazz, a partir das 14:00.

O principal destaque do Jazz, Sunset e Meia é o Palco Aveiro com Paixão que conta com alguns dos melhores nomes do jazz nacional como Maria João Trio Ogre, Lokomotiv, Elisa Rodrigues e João Hasselberg & Pedro Branco.

As estes artistas já confirmados, juntam-se Palankalama e Troll’s Toy, cujos concertos decorrem no Palco Toc’Aqui a partir das 17:00 nos dias 7 e 8 de setembro, respetivamente, no seguimento das “Conversas de Esplanada”.

Um dos objetivos do Jazz, Sunset e Meia é também a sensibilização do seu público para a música jazz feita em Portugal e fazê-lo de uma forma descontraída na presença de profissionais de destaque da área. Surgem assim as “Conversas de Esplanada”, tertúlias sobre temas relacionados com música em que profissionais da indústria e entendidos na área falam à vontade, sem filtros.

As “Conversas de Esplanada” acontecem nos dois dias do Festival com início às 15:00 no Palco Toc’Aqui.

No primeiro dia o tema é “Música, Inpiração e/ou Transpiração” e este será debatido por José Pedro Leitão, Maria João Grancha e Miguel Araújo. No dia 8 de setembro fala-se sobre “Música, Arte e/ou Negócios” com José Pina, Vasco Sacramento e Ricardo Fino.

Além dos concertos e debates que gravitam à volta do jazz nacional de forma descontraída, o Jazz, Sunset e Meia inclui ainda na sua programação uma seleção de música ambiente diária, apoiada no jazz português, feita por Luís Figueiredo, músico e docente na Universidade de Aveiro e Cocktails Sonoros servidos por André Martins, um bartender português de destaque, distinguido no Top 12 Portuguese Bartenders WorldClass 2017​.

Mais informações aqui.