Apresentação   |    Estatuto editorial   |    Conteúdos na mão   |    Correspondentes   |    Publicidade   |    Contactos   |    Newsletter
Entrar   |    Registe-se   |    Ajuda
Aveiro, Portugal
Sábado, 21 Outubro 2017
16 ºC
Aguaceiros
Siga-nos!    Siga-nos!    Mypub gestor online publicidade
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
Quatro condutores acusados de homicidio por negligência em acidente na zona de Sever do Vouga
21 jun 2012, 18:00

Ministério Público (MP) acusou de homicídio por negligência quatro condutores envolvidos no acidente ocorrido na tarde de 23 de Agosto de 2010, ao KM 45 da A25, zona de Sever do Vouga, sentido Aveiro - Viseu, do qual resultaram três mortos e 48 feridos (12 graves).

J. Martins, 37 anos, motorista de pesados; M. Morgado, 39 anos, A. Pinto, 67 anos e C. Rocha, 67 anos podem requerer a instrução.

Os condutores (três homens e uma mulher) estão acusados de homicídio por negligência agravado pelo resultado (até cinco anos de prisão) “mercê da falta de cuidado e atenção a condução”, além de contra-ordenações, refere o despacho do procurador Manuel Gonçalves consultado por NotíciasdeAveiro.pt.

O camião do arguido J. Martins embateu violentamente num veículo, provocando explosão e incêndio que causaria a morte de duas mulheres, familiares, carbonizadas.

Um dos sexagenários arguidos, português radicado no Brasil, perdeu a esposa no acidente. A viatura onde o casal seguia foi abalroada por os outros dois acusados.

De acordo com o despacho, os arguidos “deveriam ter adequado” a velocidade e condução naquele troço do antigo IP5 (uma reta com curva à esquerda em ligeiro declive) às condições atmosféricas da altura - “visibilidade reduzida devido ao nevoeiro intenso e a chuva” - para circular com segurança e acautelar obstáculos. Justificar-se-ia mais atenção dos pesados, por serem difíceis de manobrar. Os veículos seguiam praticamente na cauda do acidente em cadeia.

O inquérito ao segundo acidente, poucos minutos depois, no sentido contrário, a escassas dezenas de metros, causando outros três mortos, entre os quais uma criança, encontra-se ainda por finalizar.

O acidente em cadeia seguido de incêndio no sentido Aveiro - Viseu envolveu 35 viaturas (quatro pesados e 31 ligeiros). 12 arderam. Não foi possível apurar o automóvel causador do primeiro embate, levando uma viatura a ficar imobilizada na faixa de rodagem que originou a sucessão de choques e desvios em cadeia.

Apenas um reduzido número de pessoas manifestou desejo de procedimento criminal, informa o despacho do MP do procurador Manuel Gonçalves.
Três das quais naturais e residentes em Espanha apresentaram elementos clínicos descritivos com avaliação dos danos. Um sinistrado espanhol requereu indemnização pelos danos sofridos.

O ordenamento jurídico não prevê, ressalva o procurador do MP, crime por danos involuntários, determinando o seu arquivamento explicitando, contudo, que nada obsta a pedido cível.

Tags:
Notícias Relaccionadas
24 ago 2010, 00:13 Seis mortos e quase 90 feridos em duplo acidente na A25 (provisório)
24 ago 2010, 01:28 Manto de nevoeiro criou armadilha na A25 / Velocidade e distância não terão sido acauteladas por condutores
24 ago 2010, 21:45 A25 / Sever: Vítimas carbonizadas são mulheres ainda não identificadas / Criança que morreu é de Aveiro
10 jul 2012, 18:33 Acidente na A25: Advogados pedem aconselhamento a peritos
Classifique esta notícia:  Sem classificação
  Comentar Artigo   Imprimir Artigo   Enviar Artigo   Partilhar Artigo
0 Comentário(s)
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 som(s)
  0 documentos(s)
Outras Informações:
Visualizações: 9729
Tamanho do texto: A- A+

Últimos Vídeos
Mais comentadas
Mais lidas
Pesquisa de imóveis »
 
Terreno
Venda -
Aveiro
Aveiro, São Bernardo
Consultar Imóvel »
Terreno
Venda -
Aveiro
Vagos, Gafanha da Boa Hora
Consultar Imóvel »
Quartos   
Inquérito »