“100 Anos de Usos e Costumes” em esculturas cerâmicas de Afonso Henrique

254
Escultura de Afonso Henrique.

No próximo sábado, dia 13 de julho, pelas 16h00 será inaugurada a exposição “100 Anos de Usos e Costumes – Exposição de Esculturas Cerâmicas de Afonso Henrique”, no Museu da Cidade de Aveiro.

O escultor aveirense, autor das quatro estátuas de figuras típicas da Ponte-Praça, concebeu 100 figuras típicas que retratam os usos e costumes do País. A execução destas obras resulta de quase duas décadas de trabalho e de investigação ligadas ao barro.

Esta exposição teve a sua origem numa primeira mostra, “Era uma vez uma bilha”, em que retratou a história daquela peça de cerâmica popular, contextualizada nos usos que teve nas diversas regiões do país. Partindo desta ideia começaram a surgir as primeiras peças que compõem a exposição que agora vai ser apresentada em Aveiro.

Com entrada livre, a mostra pode ser visitada até ao dia 1 de setembro.

Biografia

Afonso Henrique nasceu em Ermesinde, a 9 de julho de 1948. Reside em Aveiro desde 1972. Colaborou como designer e escultor em várias fábricas cerâmicas artísticas. Faianças de S. Roque, Aleluia, Artibus e Vista Alegre, etc., em Aveiro.
Foi no grés que viu a base da pasta para a sua exploração na vida escultórica.
Devido à fluência e procura de artefactos da Região de Aveiro, organizou a I Feira de Artesanato da Região de Aveiro – FARAV, no ano de 1976.
Paralelamente, em 1977, devido ao sucesso da FARAV, iniciou a criação da então cooperativa de artesões “A Barrica”. Associação, que ainda perdura e da qual é o fundador.

Publicidade, Serviços & Donativos