Apresentação   |    Estatuto editorial   |    Conteúdos na mão   |    Correspondentes   |    Publicidade   |    Contactos   |    Newsletter
Entrar   |    Registe-se   |    Ajuda
Aveiro, Portugal
Domingo, 22 Julho 2018
18 ºC
Pouco nublado
Siga-nos!    Siga-nos!    Mypub gestor online publicidade
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
Aveiro / Animais de companhia: PAN estranha prioridade ao marketing quando há necessidades mais urgentes
06 jul 2018, 14:45

O PAN reitera que "é prioritário" avançar, em Aveiro, com "campanhas" de esterilização e de adopção de animais errantes, o que a autarquia "ainda não fez até ao momento".

Um apelo deixado após a recente apresentação da campanha municipal ´Animais de Companhia´.

A delegação do PAN estranha que as campanhas de marketing e os parques caninos surjam "em primeiro lugar" no conjunto das medidas.

O partido, que tem um eleito na Assembleia Municipal, recomenda, ainda, que a Câmara implemente os programas de Captura, Esterilização, Devolução (CED) para as colónias de gatos, também previsto na Lei, uma medida que, acusa o PAM, "continua a ignorar".

O partido informa, igualmente, que faz seguir uma proposta para que a autarquia termine com a proibição "de alimentar os animais de rua, primeiro porque não existe nenhuma Lei que o proíba, mas fundamentalmente porque condenamo-los à morte".

Ainda assim, a campanha anunciada pelo município é vista como "muito positiva, apesar de muito tardia, dado que nos encontramos já em plena época de Verão, momento tendencialmente mais delicado em matéria de abandono deanimais de companhia".

Como Aveiro ainda não possui Centro de Recolha Oficial (CRO), apontado apenas para 2020, o PAN lembra que o município "vai continuar a não cumprira Lei".

O concelho está sem qualquer canil municipal e os abrigos das associações já se encontram esgotados. Além destes problemas, as esterilizações em massa não estão a ser levadas a cabo de forma prioritária.

"Gostaríamos de acreditar que estas estas medidas possam ser mais do que uma campanha de marketing para transmitir à população uma suposta proatividade do executivo", refere o comunicado do PAN, mostrando-se preocupado com animais de companhia errantes que "têm desaparecido sem deixar rasto".

Discurso direto

"Quanto às declarações do Bastonário dos Médicos Veterinários, o PAN lamenta profundamente o discurso que evidenciou um desconhecimento profundo e confrangedor em relação ao que sepassa no terreno. Só por desconhecimento integral do que se passa na sua área da actuação, éque o Bastonário poderia acompanhar a fragilidade de argumentação do Executivo em relaçãoà interpretação e aplicação à Lei. Esperemos que tenha sido apenas um dia mau"

Tags:
Notícias Relaccionadas
29 jun 2018, 18:55 Aveiro lança campanha “Animais de Companhia” e assina protocolo com Veterinários
02 jul 2018, 17:31 Bastonário dos Médicos Veterinários denuncia aumento do abandono de animais de donos "assustados" pela nova lei
Classifique esta notícia:  Sem classificação
  Comentar Artigo   Imprimir Artigo   Enviar Artigo   Partilhar Artigo
0 Comentário(s)
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 som(s)
  0 documentos(s)
Outras Informações:
Visualizações: 439
Tamanho do texto: A- A+

Últimos Vídeos
Mais comentadas
Mais lidas
Inquérito »