Empresário Manuel Godinho falta a julgamento de fraude fiscal

1288
Manuel Godinho, arguido do processo 'Face Oculta'.

O antigo empresário das sucatas Manuel Godinho, principal arguido do caso Face Oculta, faltou hoje ao início de um novo julgamento no Tribunal de Aveiro devido a problemas de saúde, tendo pedido para ser julgado na sua ausência.

À saída da sala de audiências, a advogada do arguido, Ana Raquel Conceição, esclareceu que o seu cliente, acusado neste processo por fraude fiscal, padece de uma doença crónica que o coloca no grupo de risco para a covid-19.
Continuar a ler artigo da Agência Lusa via Correio da Manhã.

Publicidade, Serviços & Donativos