Vougainvest anuncia acordo de contrapartidas viárias pela ampliação do Glicínias Plaza

3191
Glicínias Plaza.

É “mais um passo decisivo para a expansão do Glicínias Plaza” que acaba de ser dado, informa a Vougainvest, empresa proprietária do centro comercial, confirmando o acordo com a autarquia em que “compromete-se a requalificar a zona envolvente, obras que deverão custar dois milhões de euros”.

O Glicínias Plaza informa que assinou no final de março com o município um contrato de urbanização, referente ao projeto de expansão, cujos trabalhos deverão arrancar durante o segundo trimestre deste ano.

A Vougainvest, proprietária do espaço comercial, garante que irá “melhorar as condições de acessibilidade rodoviária”, estando prevista a realização de várias obras, nomeadamente: o “alargamento do tabuleiro superior da (ex) EN 109 sobre a Linha do Norte”, a “reestruturação do cruzamento da (ex) EN 109 com a EN 235” e a “instalação do parque infantil, na área destinada a Equipamento”.

No total, prevê-se uma ampla intervenção em cerca de 86 mil metros quadrados.

“Um passo decisivo” para o arranque dos trabalhos de requalificação e expansão do centro comercial, que passará a disponibilizar 2.000 lugares de estacionamento gratuito, 120 lojas e uma área bruta locável de 41 mil metros quadrados.

Atualmente, tem cerca de 28 mil metros quarados e 75 lojas, das quais se destacam o hipermercado Jumbo, sete salas de cinema NOS com 3D e as lojas de moda H&M e C&A.

A intervenção, orçada em 40 milhões de euros, irá transformar o Glicínias Plaza “no maior centro comercial da cidade” e inclui a construção de dois novos pisos, a criação de um parque infantil, além da melhoria dos acessos rodoviários.

Com 19 anos de existência, o Glicínias, é visitado, diariamente, por 23 mil pessoas.

Publicidade, Serviços & Donativos