S. João da Madeira acolheu reunião de escolas de ensino artístico especializado

391
AEEP.
Dreamweb 728×90 – Video I

Teve lugar na Academia de Música de São João da Madeira, uma reunião de escolas de Ensino Artístico Especializado, associadas da AEEP (Associação de Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo), provenientes de todo o país.

Foram vários os temas na agenda, dos quais se destacam cinco: Grupo de Trabalho do Ensino Artístico Especializado, dedicado a debater as questões especificas deste sistema de ensino; Congresso do EAE a realizar em 2022; Contratação Coletiva; Concurso do Contrato de Patrocínio 2022 e discussão da alteração do calendário escolar, após as festividades do Natal, com as novas medidas de combate à pandemia.

O Departamento do Ensino Artístico Especializado da AEEP tem vindo a trabalhar, nos últimos meses, na preparação dos documentos de apoio ao Grupo de Trabalho para os Cursos Artísticos Especializados, que já concluiu um relatório para o Ministério da Educação, e que pode vir a ser o documento de referência para o futuro do setor. Foi hoje apresentado a todos os participantes do encontro.

Um outro ponto em cima da mesa foi referente à preparação do 2.º Congresso do Ensino Artístico Especializado, que decorrerá nos dias 11, 12 e 13 de fevereiro, na Fundação Calouste Gulbenkian. Foi partilhado o programa provisório e sensibilizados os participantes neste encontro para a necessidade de todos se envolverem neste projeto que é um importante momento de afirmação do setor.

A Confederação Nacional da Educação e Formação, que a AEEP integra, irá iniciar, em breve, o processo negocial 2022/2024 com a Federação Nacional da Educação e outros sindicatos e continua em processo de conciliação com a FENPROF no Ministério do Trabalho (atualmente suspenso a pedido dos sindicatos).

Independentemente da existência de eleições legislativas em janeiro e da consequente constituição de um novo Governo, a AEEP entendeu que é necessário começar a discutir já a preparação do novo Concurso do Contrato Patrocínio, pelo que este foi também um tema abordado com as escolas presentes, à qual se juntaram alguns associados online.

Finalmente, procedeu-se à discussão da alteração do calendário escolar, após as festividades do Natal, com as novas medidas de combate à pandemia, tendo sido sublinhado que as escolas tudo farão para, no atual contexto, continuar a assegurar plenamente a sua missão educativa.

De acordo com Rodrigo Queiroz e Melo, Diretor Executivo da AEEP, “a realidade do Ensino Particular e Cooperativo é muito diversa e plural. Agregamos escolas de muitas dimensões, de norte a sul do país, incluindo as ilhas, e temos na diversidade de escala, e na diferença de projetos educativos e de propostas pedagógicas diferenciadas um dos nossos principais valores. Reunir nas escolas, com associados, de forma descentralizada, construindo agendas de interesse e mobilização comuns é, por isso, muito relevante para construirmos caminhos consequentes e com futuro, desejados pelas famílias e capazes de gerarem valor para a nossa sociedade e para as comunidades onde estamos representados e inseridos. A manhã de trabalho, hoje, em São João da Madeira, insere-se nesta vontade de estar próximo das escolas e de levar às comunidades uma agenda de atualidade educativa, apelando ao envolvimento e à discussão de temas de interesse comum”.

AEEP

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.