Projeto da EPA entre os finalistas do ‘Prémio Ciência na Escola’

257
Alunos da EPA.
Dreamweb 728×90 – Video I

A Escola Profissional de Aveiro (EPA) é um dos 100 projetos selecionados para a mostra nacional do ‘Prémio Ciência na Escola’, que é promovido anualmente pela Fundação Ilídio Pinho.

A edição deste ano tem como tema “A Ciência na Escola ao Serviço do Desenvolvimento de Portugal”.

A EPA concorre com o projeto “TVC – Tensor para Viaturas Clássicas”, apresentada ao 4.º escalão do prémio.

A equipa de Aveiro, a única da Região Centro, é formada por Luís Costa, André Valente, Carlos Pereira, alunos do curso de Educação e Formação de Eletricista de Instalações, e Henrique Noronha, do curso de Educação e Formação de Eletricista de Manutenção Industrial.

O “TVC” pretende desenvolver um dispositivo eletromecânico que “concilia a tecnologia atual, obrigatória para as viaturas modernas, com as viaturas antigas, visando aumentar a segurança passiva em todos os veículos clássicos”, explica uma nota de imprensa da EPA.

“Sem comprometer a originalidade e estética dos mesmos”, o dispositivo “é introduzido um aparelho de segurança, pretensor e de bloqueio do enrolador dos cintos de segurança instalados, de modo a proteger o ocupante.”

Como explica Ivo Ferreira, professor e orientador do projeto, “os carros clássicos têm aspetos que os valorizam com o passar dos anos, desde a raridade do exemplar, ao seu estado de conservação e potência. No entanto, e na maior parte dessas relíquias, o aspeto da segurança não é considerado”.

A utilização do “TVC” permitirá, assim, “melhorar as condições de segurança passiva aplicável a qualquer ocupante e viatura”

Publicidade, Serviços & Donativos