PJ deteve dupla suspeita de burla online na compra e venda de moto de ‘enduro’

925
Polícia Judiciária.

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a a detenção de dois indivíduos na zona de Aveiro por suspeitas de envolvimento em crime de burla na compra online de um veículo de duas rodas motorizado.

Segundo um comunicado do Departamento de Investigação Criminal (DIC) de Aveiro, foram detidos “em flagrante delito, nos arredores de Aveiro”, dois homens, de 19 e 36 anos, “a quem se imputa a autoria dos crimes de burla qualificada e falsidade informática, praticados de forma continuada.”

Os suspeitos, explica a PJ, “aproveitando o anonimato garantido pela colocação para venda de uma viatura usada, em plataforma informática de anúncios classificados, lograram obter este veículo, uma moto de enduro, apresentando no ato da aquisição a imagem de uma transferência bancária, realizada em ambiente web, com o valor acordado para a venda, que se veio verificar ser falsa.”

Assim, na posse do veículo logo o colocaram à venda também em plataforma informática de anúncios, “tendo efetivamente chegado a encetar negociações para a venda em causa, o que permitiu a realização de diligências por esta polícia que culminaram com a localização e detenção dos autores de tais factos”, refere a nota de imprensa.

Os detidos vão ser presentes às Autoridades Judiciárias na comarca de Aveiro para primeiro interrogatório e aplicação de medidas de coação.

A PJ aproveita para alertar para “a necessidade de ser sempre confirmada, junto da instituição bancária beneficiária das transferências, que os valores devidos obtiveram boa cobrança, evitando, assim, fazer-se fé nos documentos apresentados, pelos potenciais compradores.”

Publicidade, Serviços & Donativos