Feira / Rios: Câmara acompanhou vistoria para tentar encontrar origem de descargas poluentes

1016
Paços de Concelho de Santa Maria da Feira.
Dreamweb 728×90 – Video I

“No seguimento de denúncias vindas a público, que apontam para descargas ilegais de efluentes industriais”, decorreram, esta tarde, três vistorias a empresas situadas na bacia hidrográfica do rio Uíma, “suspeitas de serem responsáveis pelas referidas descargas.”

Em comunicado, o município de Santa Maria da Feira informa que acompanhou com técnicos a visita aos locais onde teriam ocorrido despejos que se presumem poluentes, aguardando pelo resultado das verificações feitas.

As vistorias foram coordenadas pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), que é a entidade responsável pela fiscalização e gestão dos recursos hídricos.

A Câmara, através da sua divisão de Ambiente, solicitou a inspeção com “caráter de urgência”, tendo o vereador do Ambiente, Mário Jorge Reis, acompanhado a deslocação.

Neste processo estão ainda envolvidas outras entidades, como a Indaqua Feira e a GNR.

“As conclusões relativas às três vistorias serão conhecidas após a elaboração dos respetivos relatórios pela APA”, refere a autarquia a concluir a nota de imprensa.

Artigo relacionado

Mais uma descarga poluente no rio Uíma

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.