Faleceu o comandante António Machado, que foi o primeiro presidente eleito da Assembleia Municipal de Aveiro

867
António Soares Machado.
Dreamweb 728×90 – Video I

Faleceu hoje, aos 81 anos, António Soares Machado, que foi, durante muitos anos, comandante operacional distrital de Aveiro do então Serviço Nacional de Proteção Civil, cargo que deixou ao se reformar em 2012.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

Antes, desempenhou funções como comandante do Corpo Activo da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Aveiro — Bombeiros Velhos (1976 até Março de 2003).

Oficial da Marinha Mercante Portuguesa, António Soares Machado foi delegado distrital de Aveiro do Serviço Nacional de Protecção Civil desde Outubro de 1987 até Março de 2003. Exerceu funções como Coordenador do CDOS de Aveiro do Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil desde Abril de 2003, assumindo o cargo de comandante operacional distrital em Junho de 2005.

Ao longo da carreira na Proteção Civil, desempenhou várias funções nacionais e internacionais. Foi coordenador operacional da equipa multidisciplinar de intervenção do continente ao sismo dos Açores (Faial) em 1997 e coordenador operacional da equipa multidisciplinar portuguesa de apoio às cheias em Moçambique (2000 e 2001). António Soares Machado foi, também, chefe da missão humanitária da equipa multidisciplinar portuguesa de apoio ao sismo de Bam (Kerman), no Irão em 2003-2004 e chefe da missão de apoio técnico a fogos florestais em Tetouan, Marrocos, 2004.

Primeiro presidente eleito da Assembleia Municipal de Aveiro

António Soares Machado foi o primeiro presidente da Assembleia Municipal de Aveiro pelo CDS após as eleições autárquicas realizadas no final de 1976, tendo tomado posse em fevereiro do ano seguinte. Em 2013, concorreu às eleições autárquicas encabeçando a lista independente ‘Juntos por Aveiro’ na União das Freguesias Glória e Vera Cruz.

O presidente da mesa da Assembleia Municipal de Aveiro, Luís Souto, sabendo do falecimento, determinou um minuto de silêncio no início dos trabalhos da sessão ordinária, esta sexta-feira à noite, em Oliveirinha.

Artigo relacionado

Voto de pesar do presidente da Câmara de Aveiro, Ribau Esteves

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.