Deputados do PSD reclamam reabertura da extensão de saúde de Veiros, concelho de Estarreja

505
Assembleia da República.
Dreamweb 728×90 – Video I

Os deputados do PSD eleitos por Aveiro consideram “absolutamente lamentável” o encerramento da extensão de saúde de Veiros, por falta de uma funcionária administrativa. Numa pergunta dirigida à ministra da saúde, os parlamentares social democratas consideram tratar-se de uma “desconsideração” para com os cidadãos daquela freguesia do concelho de Estarreja.

“O Partido Social Democrata considera esta situação absolutamente lamentável, na medida em que configura uma grave desconsideração da população de Veiros, mas também a considera totalmente inaceitável, na medida em que prejudica, objetivamente, os utentes do Serviço Nacional de Saúde servidos por aquela unidade de saúde” – pode ler-se no texto que suporta a pergunta, subscrita pelos deputados do PSD/Aveiro.

Recorde-se que a extensão de Saúde de Veiros, pertencente ao Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) do Baixo Vouga, foi encerrada há cerca de duas semanas por falta de uma funcionária administrativa. O responsável daquele ACeS, explicou o referido encerramento com “uma ausência por maternidade, uma baixa médica e uma baixa por intervenção cirúrgica”, na equipa de assistentes técnicos que serve os centros de saúde de Estarreja, de Avanca e de Salreu.

“Incompreensivelmente, o referido responsável sustentou que se optou por encerrar a extensão de saúde de Veiros, do Centro de Saúde de Estarreja, argumentando que ‘foi a melhor opção que encontrámos, visto tratar-se de um polo que serve apenas pouco mais de mil utentes e que funciona apenas da parte da manhã’”.

Através da pergunta dirigida à ministra da saúde, os deputados do PSD eleitos por Aveiro querem saber desde quando tem o governo conhecimento da decisão do Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Vouga, no sentido de encerrar a extensão de saúde de Veiros. Por outro lado, questionam que medidas tomou já a tutela “para ultrapassar esta situação e determinar a reabertura urgente” da referida extensão.

“Em especial, que medidas estão a ser tomadas para garantir o funcionamento normal do Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Vouga, designadamente em termos de suficiência de pessoal?” – perguntam os parlamentares social democratas aveirenses.

PSD