Covid-19 / Ovar: Novos casos confirmados levam a reforçar medidas de contenção

7456
Centro da cidade de Ovar.
Natal Estarr

A confirmação de “mais casos” (8 pessoas), infetados pelo coronavírus Covid-19 no concelho de Ovar levou, esta tarde, a Câmara local a determinar o “encerramento de todos os serviços municipais, incluindo o mercado municipal”.

A edilidade informa, também, que definiu “um conjunto de serviços mínimos presenciais e em teletrabalho.”

Segundo informou o presidente, Salvador Malheiro, realizaram-se testes a 11 profissionais de saúde (médicos, enfermeiros, administrativos e assistentes operacionais) da Unidade de Saúde Familiar de São João de Ovar onde esteve uma pessoa infetada. Sete profissionais deram positivo, estando encaminhados para tratamento médico. Verificou-se ainda a confirmação da infeção de treinador de futebol de formação (Arada Atlético Clube), para além dos dois casos anteriormente já conhecidos.

As medidas constantes da atualização do plano de contingência foram tomadas em articulação com a autoridade local de saúde pública e ACES Baixo Vouga.

A Câmara de Ovar deixa ainda “um apelo a toda a comunidade vareira para reduzir ao mínimo toda a atividade comercial, industrial e de lazer”, sublinhando a recomendação “para que as pessoas se mantenham em casa sempre que possível, reduzindo o contacto social e cumprindo escrupulosamente as regras de higienização”.

As novas medidas vigoram até ao próximo dia 3 de abril, podendo, no entanto, quando justificado, ser novamente ajustadas (informação ao minuto Covid-19 na RTP).

Os cuidados de saúde primários em Ovar sofreram alterações, conforme informação divulgada esta tarde (ler abaixo).

Artigo relacionado

Covid-19 / Ovar: Terceiro infectado fecha mais uma unidade de saúde

Publicidade, Serviços & Donativos