Comerciante de calçado aluga casa em Aveiro para vender na Feira de Março

15477
Ricardo Prazeres, comerciante de calçado.
Dreamweb 728×90 – Video I

Ricardo Prazeres, comerciante de calçado da zona de Torres Novas, dá “continuação” ao negócio familiar “que vem do pai”.

“Nasci nisto e gosto disto, assim junta-se o útil ao agradável”, diz enquanto atende clientes na Feira de Março onde trabalha há 16 anos.

“Temos 80 por cento de artigo nacional, não é o caminho mais fácil, está mais caro que o artigo importado”, refere o vendedor itinerante, garantindo fazer “preços mais em conta do que as lojas, para todos os públicos”.

É possível escolher dos 45 aos 5 euros o par. Aveiro garante negócio, com muitos clientes fieis. “A feira arrasta muita gente, tem muita tradição e é altura do ano em que não existe grande concorrência. É a primeira feira do ano para quase todos”, explica Ricardo Prazeres.

Depois de um mês em Aveiro, seguir-se-á Leiria. Ao todo, são seis pessoas que o comerciante mobiliza para a Feira de Março. “Alugamos cá casa, deixamos muito dinheiro na cidade, já temos amigos cá”, diz (ouvir declarações completas abaixo).

Mais informações: http://www.feirademarco.pt e https://www.facebook.com/FeiradeMarcoOFICIAL/

Feira de Março 2019 – Até 25 de abril.

Publicidade, Serviços & Donativos