A cidade tem que crescer para lá da 109

2065
Sessão Solene comemorativa dos 182 anos da Freguesia de Aradas.

A Aradas que recebemos no pretérito dia 20 de outubro de 2017 será radicalmente distinta da Aradas que um dia entregaremos ao povo de Aradas.

Por Catarina Barreto *

Celebramos hoje os 182 anos da incorporação da Freguesia de Aradas no concelho de Aveiro, celebramos Aradas, os laços que unem os aradenses e os seus valores, a nossa história, a cultura da nossa terra.

Este vínculo que une o povo de Aradas, esteja onde estiver, une-nos aos aradenses de outras eras e aos aradenses do futuro.

Aos aradenses do passado , porque uma terra é feita de uma memória partilhada, de referências comuns , de património coletivo, de vivências e de conhecimento. Une-nos aos aradenses do futuro, porque uma terra é responsabilidade perante as gerações vindouras, é mudança e transformação, é esperança e sonho de fazer melhor do que já foi feito.

Uma Freguesia constrói-se com o contributo de todos e é, em cada momento, ponto de partilha com todos.

Aradas foi e será uma criação dos aradenses e de quem não sendo aradense de gema, se apaixonou pela terra e adaptou como sua, tornando-se Aradense de coração.

Aproveitando esta ocasião comemorativa, entendemos que seria oportuno, homenagear um grande homem, um Aradense de coração, o falecido Eng. Vítor Silva.

Vítor Silva apaixona-se em Aradas, terra de boa gente, escolhendo Aradas para constituir família. O falecido Eng. Vítor Silva destacou-se como Homem de bem, bom Pai de Família e Cidadão de causas.

E em torno dele também que hoje aqui nos reunimos.

À Família e aos Amigos um cumprimento especial, uma saudação amiga, calorosa e sentida.

Honra e dignifica qualquer Freguesia contar com Homens com o elevado estatuto moral, cívico e humanitário, que possuía o Eng. Vítor José Pedrosa da Silva. Assim, perante a sua memória curvamo-nos , prestando-lhe este justo e merecido reconhecimento.

A vida deste grande homem pautada sempre por elevados valores morais cruza-se e entrelaça-se na vida da Freguesia e da cidade. Vítor José Pedrosa da Silva serve a cidade que adota como sua, na gestão municipal, exercendo a vereação, na presidência de diversas Instituições e com grande e especial destaque na Presidência da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Aveiro – Velhos.

A população de Aradas sente-se honrada e grata por ter contado com homens com o Eng. Vítor Silva que hoje aqui homenageamos e com todos as mulheres e homens que compõem a Corporação de bombeiros de Aveiro -Velhos, que nos servem.

A estas mulheres e homens, uma palavra de reconhecimento, de agradecimento e de admiração. Sabemos que se dedicam a esta causa com abnegação, altruísmo, solidariedade e heroísmo, é justo que sejam lembrados, acarinhados e reconhecidos pelo seu esforço e dedicação em prol dos outros.

Na qualidade de Presidente de Junta da Freguesia de Aradas, o meu sincero e sentido agradecimento pelo trabalho que desenvolvem e pela contribuição altamente relevante para o bem-estar e segurança das nossas populações.

Bem hajam!

A história julgará como sempre.
O tempo presente afirmará como sempre.
O futuro demonstrará como sempre.

E como sempre também quem aposta nas pessoas e sabe que é com as pessoas que se deve estar, honra o passado, desenvolve o presente e ganha o futuro.

Assim, nesta hora, em que assinalamos os 182 anos da freguesia de Aradas, honramos o nosso passado, desenvolvemos o nosso presente e queremos ganhar um futuro melhor para Aradas.

Ambiciosos dirão uns, loucos dirão outros…

Com enorme sentido de responsabilidade , amor às gentes e terras de Aradas é com as pessoas e para as pessoas que temos trabalhado diariamente. Temos e digo temos, porque o meu rosto, a minha voz, é o rosto e a voz de todo o Executivo, da Assembleia de Freguesia, dos Funcionários e dos Colaboradores da junta de Freguesia, sem eles nada aconteceria.

Tenho a honra e o privilégio de liderar uma Equipa, que assumiu os destinos da Freguesia de Aradas há pouco mais de um ano.

E nesse ano muito mudou!

Construímos uma Aradas mais interventiva, mais dinâmica, mais participativa, demos voz à nossa Aradas.

A Aradas de hoje assume-se no panorama municipal como uma Aradas jovem, cumpridora e trabalhadora. Uma Aradas que luta pelos seus interesses, que reivindica , mas que também e sobretudo é parceira, amiga e leal.

A cidade de Aveiro sabe que contará sempre com Aradas e Aradas sabe que conta com a cidade de Aveiro.

Ao Senhor Presidente da Câmara, Eng. Ribau Esteves, o nosso obrigada! Hoje sabemos que encontramos no Município um parceiro, um amigo das terras de Aradas!

Este é também o momento de assinalar o futuro que se tem construído para esta terra.

É com enorme gosto que vimos tornar-se realidade obras tão desejadas , quanto necessárias para as terras de Aradas, o nosso Centro de Saúde em obra, o acesso pedonal na Capitão Lebre a ser concluído, a requalificação do Largo Acácio Rosa, reforçando a sua segurança, brevemente em obra , lançado concurso para a requalificação da Rua Direita… entre tantos outros projetos.

Defendemos que a cidade tem que, e deve, crescer para lá da 109, que a malha urbana deverá extravasar o centro da cidade, que o desenvolvimento económico, cultural e social deve acontecer também nas zonas limítrofes.

E assim, tem sucedido!
Temos assistido à captação de elevado investimento privado para as terras de Aradas, a ampliação e remodelação do Glicínias, a futura instalação do Supermercado Mercadona na zona abandonada e degradada do antigo matadouro e de mãos dadas com este elevado e significativo investimento privado o investimento público surge .

Permitam-me e perdoem-me a vaidade ao afirmar que a Aradas que recebemos no pretérito dia 20 de outubro de 2017 será radicalmente distinta da Aradas que um dia entregaremos ao povo de Aradas.

Será uma Aradas mais moderna, com melhor qualidade de vida, com bons equipamentos de saúde e de educação, com melhores redes viárias e sobretudo mais segura e orgulhosa de si.

Temos encetado esforços para promover esta Aradas, que se quer mais!
Realizamos pela primeira vez, o Festival Aradas +, em que envolvemos toda a comunidade Aradense, num total de 1.500 participantes , criamos os projetos Aradas +, que dão vida a largas dezenas de pessoas diariamente, que regressaram à Escolinha, reabilitando e devolvendo à Comunidade o edifício da Escola Sargento Lopes do Santos, fechado e sem uso. Retiramos do cemitério o estaleiro, esforçamo-nos por manter a Freguesia limpa, asseada e airosa e sobretudo vestimos todos , todos os dias a camisola da ARADAS + e trabalhamos para uma freguesia melhor.

Brevemente mais um passo será dado, em prol desta melhor Aradas, a abertura do Espaço Cidadão na Junta de Freguesia, servindo-se assim ainda melhor os aradenses.

Em politica, o que parece é, assim dizia Francisco Sá Carneiro.

Faremos politica, faremos a melhor politica que soubermos, mas faremos sempre politica honesta, integra e leal. Nunca esquecendo o povo que em nos confiou !

Não entraremos em falsas demagogias, lutaremos contra as inverdades e injustiças anunciadas como verdades, desmascaremos, quem apenas com propósito pessoal e para fins próprios e egoísticos se serviam de algum meio para prejudicar a nossa população, para servir outros propósitos que não os propósitos do melhor de Aradas, do melhor de Aveiro.

Termino dizendo que não foi um ano fácil, envolveu muito sacrifício, sobretudo pessoal…
Mas valeu pena! Dizia o poeta, que tudo a vale a pena quando a alma não é pequena…

Digo-vos tudo vale a pena por Aradas, quando o amor pela terra não é pequeno, quando existe uma excelente equipa , que veste a camisola connosco e quando contamos com o apoio incondicional, leal e verdadeiro do Município.

Reitero o meu agradecimento à Câmara Municipal de Aveiro, ao Senhor Presidente , pela capacidade de trabalho, seriedade e dinamismo com que lidera o Município e nele a todo o Executivo, sem deixar de destacar o Senhor Vice-Presidente, Jorge Ratola, também ele aradense de gema e grande amigo das terras de aradas…

Permitam-me terminar com a evocação da memória do Senhor Manuel Simões Madail, que partiu em Junho deste ano… Aradas perdeu a personalidade a quem mais devia.
Quem crê, acredita que continuará a olhar pelas terras de Aradas…

Tudo faremos para honrar e perpetuar a memória destes grandes Homens, para continuar a ser dignos do respeito e lealdade das Instituições que servem a nossa terra , amaremos Aradas e continuaremos a trabalhar pelo seu Futuro, que queremos brilhante…

* Presidente da Junta de Freguesia de Aradas.
Discurso adaptado proferido na sessão solene dos 182 anos da incorporação da freguesia de Aradas no concelho de Aveiro, com atribuição de Medalha de Honra à Corporação dos Bombeiros Velhos de Aveiro e a título póstumo ao Eng. Vítor José Pedrosa da Silva