“Uma vitória do querer e da vontade. Não tanto da qualidade, mas do possível” – Miguel Valença

808
Imagem divulgada pelo Facebook Campeonato de Oportunidades.
Dreamweb 728×90 – Video I

O Beira-Mar somou, este domingo, na receção ao Paredes, a terceira vitória no Campeonato de Portugal, mantendo-se nos lugares do objetivo traçado. Apesar disso, o resultado tangencial e a exibição não chegaram, certamente, para descansar os adeptos que ficaram mais inquietos com a eliminação da Taça de Portugal e o empate em Marco, após conseguir uma vantagem de dois golos.

Artigo relacionado

Futebol / CdP: Beira-Mar: Vitória muito sofrida na receção ao Paredes (1-0)

No final, o treinador aveirense elogiou a resposta do grupo após o desaire em Cortegaça, não tendo sido surpresa a forma como o Paredes entrou em campo, chamando a si algum domínio. “Queríamos ter sido um bocadinho melhores com bola na chegada ao último terço do campo, modificamos ao intervalo. A primeira parte acabou por ser equilibrada, também nas oportunidades, com uma equipa que também luta por subir”.

Depois do intervalo, a estratégia do Beira-Mar foi desenvolver o seu jogo “mais por dentro”, conseguindo “ter mais agressividade” e numa bola parada chegou ao golo e “depois em 4 ou 5 lances” de perigo. A concentração na ponta final foi determinante para evitar erros fatais, com alguma felicidade também. “Nós para ganhar temos de ter a sorte do nosso lado. Mas o que o grupo desenvolveu durante o jogo fez com que isso acontecesse, temos de equilibrar as coisas nos pratos da balança”, afirmou Miguel Valença, considerando que foi “uma vitória do querer e da vontade. Não tanto da qualidade, mas do possível em que o pormenor caiu para o nosso lado”. Deixaria o aviso inevitável: “Sabemos da qualidade do plantel, temos de melhorar a cada dia. Somos os primeiros a cobrar de nós próprios”. De positivo, o facto da equipa somar dez pontos e duas vitórias seguidas em casa, onde tem treinado pouco por condicionantes de utilização do EMA nas últimas semanas. “Vamos construindo o nosso caminho, pouco a pouco, com muita confiança e muita ambição”, acrescentou o mister. A preparação da visita ao reduto do Rebordosa tem uma baixa certa, uma vez que Diego Tavares, que estava no banco, foi expulso, numa troca de palavras com o árbitro no ‘calor’ do jogo, que irá ser analisada internamente. Já Mário Mendonça saiu de maca, lesionado numa perna, aguardando-se o diagnóstico dos exames. “Quase de certeza” também ficará afastado do próximo jogo.

Discurso direto

“O nosso guarda-redes deu-nos a passagem na Taça na semana passada, hoje teve ali uma infelicidade no golo. Faz parte do futebol. De qualquer forma, acho que o Paredes criou inúmeras oportunidades, o Beira-Mar fez aquele livre e um lance em que o guarda-redes ia a agarrar a bola e bateu no avançado. Durante os 90 minutos quem construiu com princípio, meio e fim e finalizou foi só o Paredes. Fomos superiores. Queremos estar mais fortes e chegar lá cima, mas precisamos de ter de mais reforços por sabemos das nossas limitações” – Eurico Couto, treinador do Paredes.

A norte, o Florgrade continua a ‘marcar passo’, desperdiçando mais um oportunidade para alcançar a deseja primeira vitória no CdP. Desta vez, na receção ao Oliveira do Douro, que terminou sem golos, apesar das oportunidades criadas pelos locais. O Florgrade falhou uma grande penalidade e levou uma bola ao poste. “Era importante ter vencido hoje, fomos muito ansiosos nos últimos 15 minutos”, lamentou o treinador ‘corticeiro’ André Ribeiro em declarações à Rádio AVFM.

Já o São João de Ver segurou a liderança, ao ‘bater’ o Salgueiros, em casa, por um golo sem resposta, que valeu a quarta vitória. “Sabíamos que íamos ter muitas dificuldades. Só um São João de Ver muito competente levaria à vitória. Foi um jogo muito equilibrado”, resumiu o técnico ‘malapeiro’, Pedro Machado, no balanço da partida partilhado pelo clube.

Jogos e resultados via Zerozero.pt.

Facebook Campeonato das Oportunidades

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.