Seis anos e nove meses de cadeia para homem perigoso

2419
Tribunal de Aveiro.

O Tribunal de Aveiro condenou um sexagenário a uma pena única de seis anos e nove meses de cadeia ao fazer o cúmulo juridico de dois processos.

Em causa um processo relacionado com dois crimes de pornografia de menores (três anos e nove meses) e outro em que o homem foi condenado pof lenocínio e tráfico de pessoas (cinco anos).

O indivíduo de 65 anos, com extenso passado criminal, incluindo um caso de homicídio, está a cumprir tempo de prisão por conta da condenação mais pesada.
Ao cúmulo agora feito terá de ser descontado o tempo que leva já de cadeia.

O processo de pornografia de menores dizia respeito à posse de telemóveis com fotografias de uma menor, de 14 anos, seminua e também diversas imagens de cariz sexual de crianças, entre os 7 e os 8 anos, que não foram identificadas.

Os factos remontam a 2014, em Águeda. Durante buscas realizadas no âmbito de um outro processo, as autoridades encontraram os telemóveis onde guardava os ficheiros de pornografia infantil.

O arguido encontra-se atualmente a cumprir cinco anos de cadeia por lenocínio e tráfico de menores agravado.

Em 1981, assassinou uma jovem com quem mantinha uma relação amorosa, tendo atirado o corpo para a praia da Barra.

Na lista de antecedentes criminais figuram ajnda crimes de sequestro, ameaça, roubo e ofensa à integridade física.