Roubos: Gang de assaltantes condenados em penas entre 10 anos e 5 anos e 9 meses

1215
Tribunal de Aveiro.
Smartfire 728×90 – 1

O Tribunal de Aveiro condenou, esta quarta-feira à tarde, a prisão quatro indivíduos, todos detidos, que estiveram envolvidos em assaltos a áreas de serviço e lojas em várias localidades do centro e norte do país.

As penas aplicadas foram, em cúmulo jurídico, de 10 anos, oito anos, sete anos e seis meses e, ainda, cinco anos e nove meses.

Dois arguidos vão ter de indemnizar uma vítima de roubo tentado (funcionária de gasolineira em Estarreja) em 1000 euros. Os quatro foram, também, condenados na perda de vantagem de uma quantia de cerca de 2700 euros, a pagar solidariamente.

Os arguidos, todos cadastrados, estavam acusados pela prática de dezenas de crimes contra as pessoas e património (furtos, roubos, sequestro, falsificação, posse de arma proibida), mas nem todas as situações imputadas foram provadas, nomeadamente assaltos em Caminha, Cerveira e Seia.

Um dos casos provados diz respeito à tentativa de roubo com sequestro ocorrida em abril de 2021 numa gasolineira de Estarreja, com fuga após disparos de armas de fogo.

A polícia recuperou 35 viaturas furtadas pelo grupo para usar nos assaltos (16 outras permanecem por encontrar).

Os arguidos, que vão continuar em prisão preventiva a aguardar o desenrolar do processo, remeteram-se ao silêncio no julgamento.

Artigo relacionado

Grupo julgado por roubos violentos a gasolineiras remete-se ao silêncio no Tribunal de Aveiro

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.

Comercio 780