Pedro Abrunhosa é um dos destaques de 2019 no cine teatro de Estarreja

1118
Cine teatro de Estarreja.
Smartfire 728×90 – 1

Mais de 20 espetáculos de teatro, de dança e muitos concertos integram o cartaz do cine teatro de Estarreja (CTE) para o primeiro trimestre de 2019.

“Os Concertos Íntimos regressam com a força de três vozes femininas”: Sara Tavares (19 de janeiro), Raquel Tavares (23 de março) e Carolina Deslandes (18 de maio).

O “Concerto de Ano Novo” (5 de janeiro) é dado pela Banda Bingre Canelense, numa oferenda musical com “Grandes Temas do Clássico ao Rock” e participação especial de Beatriz Maia e Miguel Rodrigues. No dia seguinte despeça-se da época natalícia cantando as janeiras no “Encontro de Trupes de Reis”.

Para o primeiro mês do ano está ainda marcado para o CTE muitas peças de teatro. O Trigo Limpo teatro ACERT – com textos de Luis Vaz de Camões, Ricardo Araújo Pereira, Raúl Solnado – sobe ao palco com Fogo (12 de janeiro) e o ACE Teatro do Bolhão – com texto de Afonso Cruz – traz a cena “O Baile das Coisas Importantes (13 de janeiro).

Janeiro também é sinónimo de comemorações da elevação de Estarreja a cidade. Em Fevereiro estará no CTE o comediante, Fernando Mendes, a encarnar a personagem Custódio Reis, um vendedor de vinhos e licores, que vive afogado em dívidas.

Herman José (16 de fevereiro) também passa por Estarreja que assistirá ainda ao regresso de Pedro Abrunhosa para apresentar o álbum “Espiritual” (23 de fevereiro).

O Clube de Poesia de Estarreja apresenta “A Mulher ao Lado” (8 de março) no dia em que se comemora o Dia Internacional da Mulher. O

No final do mês de março, dia 30, Victor Hugo Pontes apresenta “Margem”. A partir da obra literária, que também é uma obra política Capitães de Areia, de Jorge Amado, o encenador e coreógrafo Victor Hugo Pontes quis perceber quem são os capitães da areia dos nossos dias.

No cinema, há filmes acabados de estrear tanto no Cinema Infantil como no Cinema em Cartaz. As Quintas de Cinema continuam atrativas, até no preço.