Pedidas cautelas na definição do traçado do IC35 em Sever do Vouga

2044
Trabalhos preparatórios dos estudos para elaborar projeto do IC35, Sever do Vouga.
Dreamweb 728×90 – Video I

O traçado do futuro IC35, que se pretende construir para servir o concelho de Sever do Vouga, será divulgado quando o projeto entrar em consulta pública, informou o presidente da Câmara na Assembleia Municipal depois de alertado para algumas consequências negativas que deveriam ser acauteladas em tempo útil.

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

“O projeto tem sido executado mensalmente em reuniões com a Câmara e a Infraestruturas de Portugal, temos falado detalhadamente sobre este trajeto”, garantiu Pedro Lobo, depois de questões colocadas por Sérgio Silva, presidente da Junta de freguesia de Couto Esteves, para quem “mais importante do que a promoção” feita pela autarquia “de uma obra da competência do Governo seria acautelar os impactos negativos” próprios “destas grandes obras” (abaixo intervenção do autarca).

“Esforço titânico” da Câmara com “boa vontade” de João Galamba

“Foi no tempo deste executivo, graças a um esforço titânico, e com a boa vontade ex-ministro das Infraestruturas João Galamba e do seu secretário de Estado nas conversações que se decidiu avançar com o projeto e saiu a portaria do financiamento, foram inexcedíveis”, elogiou o presidente do município. Passos firmes em frente que contrastam, lembrou Pedro Logo, com dificuldades enfrentadas quando Pedro Nuno Santos, atual Secretário-Geral do PS, estava com ‘ao leme’ do ministério. “Foi de todos os ministros do PS o único que nunca se mostrou disponível para reunir connosco, nunca respondeu a um e-mail ou atendeu um telefonema”, criticou.

A elaboração do projeto, que está a ser realizado, foi feita por 1,3 milhões de euros após concurso internacional. “Por muito que custe ouvir, a verdade é que foi este executivo que conseguiu pôr preto no branco o IC35”, repisou Pedro Lobo.

Sobre os acessos à EN 328 e forma de inserção com a A25 ou o antigo IP5, “isso será oportunamente divulgado, até porque haverá certamente um período de discussão pública e as pessoas terão acesso ao trajeto”, referiu o autarca.

“Neste momento não gostaria de entrar em grandes pormenores, embora saibamos um pouco mais, mas não queremos entrar em nenhum tipo de especulação imobiliária com os terrenos”, ressalvou.

Artigos relacionados

Sever do Vouga: Autarquia prepara “sessão aberta” à comunidade sobre projeto do acesso do IC35 à A25

Início da obra de ligação do IC35 de Sever do Vouga à A25 previsto para 2025

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.