Ovar: Família revoltada ao descobrir morte de idosa

5283
Santa Casa da Misericórdia de Ovar.

“Isto é uma barbaridade. Estive com a minha tia no dia 6, no hospital, antes de voltar à Suíça e quero saber porque razão ninguém nos avisou”, indicou Isolete Silva, sobrinha.

O provedor da Misericórdia, Álvaro Silva, diz que “há contactos da família precisamente para estes casos” e remete esclarecimentos para esta segunda-feira, refere a notícia do Correia da Manhã.

Publicidade, Serviços & Donativos