Município de Aveiro apoia encargos com reconstrução de duas casas atingidas pelos fogos de 2017

809
Fogos florestais.

A Câmara de Aveiro deliberou atribuir uma ajuda financeira para responder a prejuízos causados pelos incêndios de 2017.

A medida enquadra-se no plano de apoio à reconstrução de habitação permanente atingida pelos fogos florestais que deflagraram no concelho há quase dois anos.

Na última reunião do executivo, na freguesia de Nossa Senhora de Fátima, foi dado conhecimento do ponto de situação do processo das candidaturas apresentadas à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).

“Neste momento, das quatro candidaturas apresentadas, a Câmara aprovou e apoiou a execução da recuperação de duas das habitações atingidas, no valor global de investimento de 26.500 euros”, refere um comunicado.

A edilidade diz que continua “a desenvolver todos os procedimentos necessários para que uma terceira candidatura possa vir a ser financiada, prevendo-se um valor de investimento para este caso que ascende os 20.000 euros.”

A quarta candidatura acabou por não ser aprovada já que o proprietário não apresentou o comprovativo de propriedade do prédio, elemento essencial para o processo, para além de existirem problemas de legalização urbanística do edificado, que impedem o apoio da autarquia.

Publicidade, Serviços & Donativos