Legislativas 22 / Volt: Ganhar representatividade

411
Volt (candidatura distrital).
Smartfire 728×90 – 1

O Volt Portugal é um partido político de dimensão e expressão Europeia que surge sob a forma movimento em 2017, tendo sido depois formalmente oficializado pelo Tribunal Constitucional enquanto partido a 25 de junho de 2020. Na sua génese e na sua visão o Volt defende uma Europa unida, plenamente democrática, e igualmente solidária e inclusiva para todos, sem qualquer exceção.

Por André Ferreira *

(Nota editorial: No âmbito da cobertura da campanha eleitoral para as legislativas de 30 de janeiro, NotíciasdeAveiro.pt publica depoimentos dos cabeças-de-lista de forças partidárias sem deputados eleitos pelo distrito de Aveiro na presente legislatura).

O Volt Portugal assume-se como um partido de carácter progressista como resposta ao conservadorismo e conformismo que pautam a sociedade e enquanto impulso para o aperfeiçoamento da sociedade nas suas várias dimensões, salvaguardando a liberdade, igualdade, solidariedade e a dignidade. Para o partido a componente ecológica está intrinsecamente ligada ao progressismo e ao bem-estar social, daí uma atenção muito particular à sustentabilidade das soluções encontradas e o seu impacto na natureza por forma a encontrar um ponto de equilíbrio e uma mais valia de parte a parte, que garanta a preservação do meio ambiente.

Para alavancar a sua visão e valores o Volt Portugal assume uma posição pragmática, uma posição e uma forma de estar que tem como ponto de partida o consenso, a evidência científica e as boas práticas dos vários sectores e quadrantes sociais e científicos enquanto referências. Neste ponto o Volt Portugal coloca-se no centro do espectro político, levando a cabo medidas e propostas que vão do aspeto mais social até ao económico.

A Europa é defendida enquanto identidade e enquanto estrutura de futuro, uma Europa que funcione como um todo e que promova o potencial de todos por igual. Uma Europa promotora da paz, da justiça, da prosperidade e da sustentabilidade.

Para estas Legislativas, as 3 grandes bandeiras defendidas passam pelo Estado Inteligente e integrado, promover o renascimento económico (e social) e uma intervenção eficaz no que toca à mitigação e controlo das alterações climáticas.

A estes desafios o Volt Portugal defende de forma assertiva uma regionalização devidamente desenhada e implementada que promova o desenvolvimento competitividade/produtividade) em todas as regiões e que aproxime as estruturas de gestão e de decisão dos cidadãos, integrando-os em todo o processo de forma a potenciar os resultados e o desempenho das medidas ao longo do tempo, reduzindo assim a ação do Estado e dando mais autonomia às regiões.

A estratégia do Volt Portugal para Aveiro passa por apresentarmos uma opção para o futuro, uma opção diferenciada da política mais tradicional, e ganhar a confiança e a representatividade necessária que nos permita fazer parte do processo de decisão em Aveiro.

Para o Distrito de Aveiro os planos do Volt Portugal passam por capacitar e transformar a região numa Euro-Região:

– Com melhores acessos e ligações, uma linha férrea revitalizada, competitiva e que seja uma opção válida para todos.
– Promover uma melhor comunicação entre o interior e o litoral do Distrito ao nível dos acessos e das condições fiscais para a instalação de atividade.
– Criar espaços Europeus para promover a identidade europeia e todas as iniciativas em curso que possam ser aproveitadas pelas populações.
– Protocolos Intermunicipais para a criação de um corredor económico que favoreça a criação e ativação de negócios e empresas que potencie ainda o sector do Turismo.
– Aumentar as valências, serviços e condições do Hospital de Aveiro colocando-o como uma das principais referências no sector dos cuidados saúde, e potenciar o serviço de excelência.
– Promover o nosso porto marítimo do outro lado da fronteira e potenciar o corredor económico e comercial.

Ao nível do ambiente uma especial atenção e intervenção junto da orla litoral, nos terrenos do Baixo-Vouga, a regeneração e monitorização da Pateira de Fermentelos, Rio Paiva e Vouga. E à semelhança da Bandeira Azul, avançar para a Bandeira Verde enquanto indicadora do desenvolvimento ambiental, ecológico e sustentável em todo o Distrito.

Quanto à cultura, o Volt Portugal quer reforçar o apoio às diversas associações culturais e desenvolver uma Companhia Regional de Bailado e Teatro. Neste campo há ainda o objetivo de trazer para o Distrito uma extensão da Cinemateca Portuguesa e promover um intercâmbio cultural amplo e diversificado.

O Volt Portugal quer ainda estabelecer o diálogo com os vários Concelhos de forma a promover um mercado habitacional não especulativo para os jovens, e assim para promover a sua independência e um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional de forma sustentada

* Cabeça-de-lista do círculo eleitoral de Aveiro. Profissional da Comunicação e Marketing, 43 anos, residente na Mealhada.

O Volt concorre pela primeira vez às eleições legislativas.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.