Ílhavo: Investimentos no centro urbano prosseguem

1884
Ílhavo, centro da cidade.

O executivo aprovou a abertura de um concurso para a requalificação da Rua Carlos Marnoto, em Ílhavo.

Uma obra no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), que dá continuidade e prolongando a requalificação executada na primeira fase do ‘Casco Antigo’, “de forma a potenciar uma maior qualidade do espaço público do Centro de Ílhavo”, informa a edilidade.

A empreitada é um investimento 168.321 euros com um prazo de execução de cinco meses. Tem como finalidade a execução de infraestruturas subterrâneas, como a rede de águas pluviais e residuais, telecomunicações e gás, e a requalificação viária com a renovação do pavimento e dos passeios.

Entretanto,a Câmara aprovou outras três propostas de projeto de requalificação que irão ser executadas na Rua João Carlos Gomes, Acessos e Zona Verde junto ao CIEMar e Bairro dos Pescadores.

Cofinanciadas pelo Centro2020 (Portugal2020), as obras irão permitir empreitadas de execução das redes de águas pluviais para além das redes de incêndio, gás e telecomunicações.

O investimento global das três intervenções de requalificação situa-se em cerca de 1,1 milhões de euros.

A intervenção “reflete a política deste executivo em promover condições de melhoria da qualidade de vida e bem-estar dos cidadãos e das comunidades, concretamente destas três áreas do Centro de Ílhavo, para além da concretização de um dos principais objetivos da gestão autárquica que é a requalificação urbana, de forma transparente, sustentada e rigorosa”, refere a autarquia em comunicado.