Homem que ameaçava de morte esposa e filho obrigado a sair de casa e a usar pulseira eletrónica

887
Viatura de patrulha da GNR.
Dreamweb 728×90 – Video I

O Tribunal de Santa Maria da Feira obrigou um homem detido por violência doméstica a a usar pulseira eletrónica enquanto aguardar julgamento.

Segundo informação da GNR, militares do Posto Territorial de Lourosa deram ordem de prisão a suspeito, de 54 anos, residente na localidade, por atos relacionados com violência doméstica de que foram vítimas familiares.

“Após uma denúncia de violência doméstica, a GNR deslocou-se ao local e presenciou o suspeito a ameaçar de morte o seu filho, de 30 anos, e a sua esposa, de 55 anos”, refere o comunicado.

O indivíduo ficou detido nas instalações da GNR até ser presente ontem no Departamento de Investigação e Ação Penal de Santa Maria da Feira. Acabaria por ser restituído à liberdade, ainda que obrigado a deixar a residência, proibido de contactar as vítimas e a usar pulseira eletrónica.

Publicidade, Serviços & Donativos