Granada e armas brancas apreendidas pela GNR após investigação de ameaças

753
Armadas apreendidas pela GNR.
Smartfire 728×90 – 1

A GNR apreendeu diversas armas proibidas no âmbito de uma investigação por ameaças nos concelhos de Anadia e da Mealhada que decorria há três meses. Um caso que envolverá pessoas vizinhas, adiantou fonte da Guarda

Esta semana, os militares deram cumprimento a três mandados de buscas domiciliárias, duas no concelho de Anadia e uma no concelho da Mealhada.

“No decorrer das diligências policiais foram detetadas várias armas proibidas, nomeadamente material de guerra e armas brancas”, refere um comunicado.

A ação culminou com a apreensão de uma granada de morteiro, um lançador de granada para arma, três facas e uma catana.

“No seguimento das diligências foi identificado um homem de 41 anos, tendo os factos sido comunicados ao Tribunal Judicial de Anadia”, adianta a GNR.

A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Anadia e do Posto Territorial da Mealhada.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.