Escola Profissional de Agricultura de Vagos reforça formação com alunos dos PALOP

1958
Escola Profissional de Agricultura, Vagos.
Dreamweb 728×90 – Video I

A Escola Profissional de Agricultura e Desenvolvimento Rural (EPADRV) irá acolher alunos provenientes de Cabo Verde para que possam “melhorar as suas competências aproveitando para o efeito o saber e a experiência” do estabelecimento de ensino de Vagos.
 
Um acordo tripartido nesse sentido, envolvendo a EPADRV, Câmara de Vagos e Município de Santa Cruz, foi celebrado no início da semana aproveitando a presença de uma comitiva vaguense que visitou aquela ilha.

O “objetivo” do intercâmbio é “proporcionar formação profissional a alunos provenientes de Cabo Verde.”
 
De acordo com um comunicado, “o protocolo firmado assenta em alguns pilares que se consideram fundamentais, nomeadamente, o intento do Município de Vagos em promover as suas instituições educativas, na perspetiva de dar visibilidade à qualidade do seu trabalho”.

Existe “disponibilidade e interesse da Câmara Municipal de Santa Cruz para se associar à atribuição de vagas aos alunos que ingressem nos cursos da EPADRV, que é, por seu turno, uma escola que se tem distinguido como um centro de criação, transmissão e difusão do conhecimento científico e tecnológico” no desenvolvimento de competências profissionais.

A EPADRV já tem experiência de formação profissional a alunos dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), tendo disponibilidade, ainda, para fazer deslocar formadores seus “no sentido de dar formação à comunidade local.”
  
Ficou definido que ambas as instituições participarão em ações e projetos de promoção do desenvolvimento do concelho de Santa Cruz, designadamente através do envolvimento dos alunos em estágios, empresas e instituições do seu concelho de origem, em articulação com os docentes da EPADRV, promovendo e facilitando o seu regresso, com apoio ao empreendedorismo, em ações de consultadoria, apoio técnico e desenvolvimento tecnológico.
 
Discurso direto

“Este acordo de cooperação que entrará em vigor no próximo ano letivo merece uma enorme satisfação, pelo facto de ser mais um momento importante na dinâmica educativa e formativa do concelho de Vagos, neste caso aproveitando a larga experiência que a EPADRV tem com alunos dos PALOP, para poder integrar alunos do município cabo-verdiano de Santa Cruz, contribuindo assim para que possam desenvolver as suas competências, aportando no futuro mais massa crítica para os seus territórios de origem, podendo assim contribuir para o seu desenvolvimento” – Pedro Bento, vereador com o pelouro da Educação da Câmara de Vagos.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.