Entre o autoelogio vago e a referência à gestão autárquica do Partido Socialista

658
Paços de Concelho de Aveiro (foto de Celso Assunção).

O PSD e o CDS-PP, nos dias 26 e 29 de setembro, emitiram notas de imprensa assinalando o «2º Aniversário da Vitória Eleitoral de 26 de setembro» e os «10 Anos de Vitória da ALIANÇA COM AVEIRO», respetivamente. Entre uma nota e a outra encontramos poucas diferenças.

Centram-se no autoelogio vago e fazem referência à gestão autárquica do Partido Socialista. Esta durou 8 anos e terminou em 2005. Não terminou em 2013. O PSD e o CDS-PP governam a Câmara Municipal de Aveiro desde esse ano. Há 18 anos. Há que ser rigoroso quando se reclama seriedade, transparência e rigor, o atual executivo PSD-CDS (2013-2020) herdou 8 anos de governação PSD-CDS (2005-2013).

A referência constante ao Partido Socialista revela o incómodo que este causa a quem não tem qualquer estratégia para o Município. Incomoda quem agora reclama como seus projetos que começaram a ser esboçados há 20 anos atrás . Como é o caso do projeto «Foz de Prata». Relembramos que o Parque de lazer e de desporto, ao longo do Canal de São Roque, foi construído pelo Partido Socialista.

O PSD e o CDS-PP, por muitas notas de imprensa que emitam, não conseguem alterar/mudar factos. O Partido Socialista, em 8 anos, projetou uma cidade para o futuro. Cosmopolita, ambientalmente responsável e segura. Requalificou os canais urbanos da Ria e construiu o Lago da Fonte Nova. Recuperou os Paços do Concelho, na Praça da República; o Teatro Aveirense; a antiga Capitania; a Praça do Peixe; o Parque Infante D. Pedro.

Construiu avenidas; passagens aéreas e subterrâneas; parques de estacionamento no subsolo. Dotou o concelho de um Parque de Feiras e Exposições moderno e digno. Requalificou o Mercado Manuel Firmino, o arquivo municipal, a Praça Marquês de Pombal. Lançou as BUGA – Bicicletas de Utilização Gratuita de Aveiro. Apostou na mobilidade suave. Alargou a rede de saneamento básico. O Programa Aveiro – Cidade Digital 2003-2006, preconizou o cadastro predial rústico e urbano digital; a formação à distância; a telemedicina; o teletrabalho; a modernização dos serviços e da gestão públicos; a qualificação dos recursos humanos para a sociedade da informação. Estes, vieram a concretizar-se quase 20 anos depois.

Folgamos em saber que dois mandatos autárquicos deixaram obras materiais e imateriais que mudaram a face e o destino de Aveiro e que incomodam quem não consegue fazer mais do que requalificar. O Partido Socialista deixou uma marca que volvidos vinte anos continua viva.

Os aveirenses podem contar com o Partido Socialista como alternativa à atual gestão municipal. Para colocar no centro da agenda a mobilidade, a habitação, o ambiente, a digitalização, a ação social, os cidadãos. Um projeto municipal para todo o município, com visão, com atualidade, com futuro.

Comissão Política Concelhia do Partido Socialista

Artigos relacionados

Mudança Muito Positiva e com os Aveirenses

‘Aliança com Aveiro’ / 2º aniversário da vitória eleitoral: Na busca de mais e melhor

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.