Condenado por tráfico de droga vai ser julgado por perturbar tribunal após leitura da sentença

523
Tribunal de Aveiro.

Um homem que reagiu mal após ficar a conhecer a sentença judicial no final de um julgamento foi acusado pela prática de crimes de perturbação de funcionamento de órgão constitucional, ofensa a organismo, serviço ou pessoa coletiva, injúria agravada e ameaça agravada.

Artigo relacionado

Droga: Arguido exaltou-se com pena de cadeia efetiva e teve de ser retirado à força do tribunal

Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o jornal online NotíciasdeAveiro.pt gratuito.

De acordo com a acusação do Ministério Público divulgada, em resumo, pela Procuradoria Distrital do Porto, durante a leitura de acórdão, em maio de 2022, no Tribunal de Aveiro, o arguido, que tinha acabado de ser condenado pela prática de crime de tráfico de estupefaciente e em pena de prisão, “insurgiu-se” contra os membros do tribunal “vociferando expressões injuriosas e ameaçadoras, e efetuando gestos na direção daqueles”.

Ainda segundo a acusação, quis e conseguiu, dessa forma, “perturbar o normal funcionamento” dos trabalhos judiciais, através da “provocação de tumultos, de desordens e com vozearias na sala de audiências, e atingir a honra e dignidade profissional dos magistrados presentes.”

Siga o canal NotíciasdeAveiro.pt no WhatsApp.

Publicidade e serviços

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais no jornal online NotíciasdeAveiro.pt, assim como requisitar outros serviços. Consultar informação para incluir publicidade online.