Bloco de Esquerda quer Freguesias mais amigas da bicicleta

437
BUGA, Aveiro

O Bloco de Esquerda vai apresentar, nas Assembleias de Freguesia onde têm representação, uma proposta de recomendação para a instalação de parques para bicicletas.

A bicicleta, para além de ser um meio de transporte não poluente, silencioso, económico, acessível, é também o meio de transporte mais rápido em trajetos urbanos curtos até 5 km.

São indiscutíveis as inúmeras vantagens da utilização da bicicleta como meio de transporte nos centros urbanos, não apenas para os seus utilizadores, mas para a sociedade em geral. O partido considera que os órgãos autárquicos em Aveiro têm falhado na definição de políticas de mobilidade suave e na implementação de medidas que promovam a utilização de bicicleta em Aveiro.

O Bloco discorda profundamente da política de mobilidade do atual executivo e nesse sentido tem vindo a apresentar alternativas mais amigas do ambiente e socialmente mais justas. O partido dá prioridade à descarbonização da economia, à promoção dos transportes públicos e da mobilidade suave e recusa a opção política do atual executivo de concessão a privados de instrumentos de mobilidade essenciais ao município.

Neste enquadramento, o Bloco considera que é imperativo incentivar a utilização da bicicleta. A inexistência bicicletários junto de serviços públicos nas freguesias do município, e/ou a sua inadequação, retira vantagem competitiva a esta forma de transporte quando comparada com o veículo automóvel.

Para além desta proposta, o Bloco vai também apresentar uma recomendação para que os executivos de Freguesia divulguem materiais didáticos para ajudar à compreensão da necessidade de estratégias de adaptação às alterações climáticas.

Bloco de Esquerda / Aveiro