Bloco de Esquerda deseja repor todas as freguesias que PSD e CDS retiraram ao concelho de Santa Maria da Feira

190
Paços de Concelho de Santa Maria da Feira.
Dreamweb 728×90 – Video I

O Bloco de Esquerda irá apresentar na próxima Assembleia Municipal, no dia 12 de novembro, uma proposta para a reposição de todas as freguesias retiradas ao concelho de Santa Maria da Feira pelo anterior governo PSD-CDS.

O BE quer repor a democracia e o direito a que as populações decidam sobre a organização dos territórios ondem residem.

A prepotência e a imposição pela força de alterações à organização dos territórios, foram sempre inimigas da democracia, da qualidade de vida das populações e provocaram crescimentos assimétricos nos territórios, criando desequilíbrios económicos, sociais e culturais graves assim como atropelos à democracia.

O BE não embarca no discurso bairrista deste executivo, que esconde interesses obscuros e que é sempre pernicioso para as populações. As populações estão fartas de bairristas fanáticos que não defendem os seus interesses. Querem sim, é um combate ao compadrio e à corrupção, a água mais barata, e sem ilegítimas taxas de rede, o fim dos negócios duvidosos com o estacionamento, uma rede de transportes públicos e uma rede viária com qualidade.

Consideramos que chegou também o momento de a Assembleia Municipal de Santa Maria da Feira se pronunciar inequivocamente a favor da reposição das Freguesias que o PSD e o CDS-PP extinguiram no concelho de Santa Maria da Feira contra à vontade popular.

Assim propomos que a Assembleia Municipal de Santa Maria da Feira deve:

1. Pronunciar-se pela anulação da reforma administrativa que extinguiu 10 Freguesias no concelho de Santa Maria da Feira;

2. Pronunciar-se a favor da reposição das Freguesias extintas no concelho de Santa Maria da Feira.

Bloco de Esquerda