Bicicletas / Redução do IVA: Uma ‘luta’ antiga das empresas do setor

1358
Imagem da ABIMOTA.

São boas notícias para o setor português das duas rodas e mobilidade suave, que vê o IVA baixar para seis por cento, depois de uma forte pressão por parte da ABIMOTA.

Por Gil Nadais *

A redução do IVA é uma ‘luta’ antiga, por parte desta associação que representa as indústrias das duas rodas e mobilidade suave, ferragens e mobiliário:

Desde 2019 que vínhamos a reivindicar esta medida, pois entendemos que esta é uma forma de apoiar o setor português das duas rodas e mobilidade suave, um setor com forte implementação e expansão e também de incentivar o uso da bicicleta, promovendo hábitos de deslocação mais saudáveis para todos e para o ambiente.

Esta medida é fruto de uma proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2023 (OE2023), apresentada na Assembleia da República pelo Livre, tendo tido os votos favoráveis de todas as forças políticas, exceto do PSD, que se absteve.

Assim, a compra e reparação de bicicletas vão sofrer uma baixa significativa do IVA, tal como era desejável pelas empresas do setor.

Pugnamos pela baixa do IVA, tal como, durante a Pandemia, fizemos pressão para que as oficinas de reparação de bicicletas pudessem manter-se abertas, tal como as do setor automóvel.

Felizmente temos encontrado sensibilidade, junto do Governo português, para entender estes temas e a presente redução do IVA é mais um bom exemplo de como há sensibilidade para as duas rodas e mobilidade suave nacionais, um setor, reforço, em grande expansão e com fortíssimo pendor de exportação, que desta forma ganha ainda mais competitividade, quer interna, quer além-fronteiras.

* Secretário-Geral da ABIMOTA – Associação Nacional das Indústrias de Duas Rodas, Ferragens, Mobiliário e Afins.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.