Aveiro: Tribunal de Contas deu ‘visto’ ao novo ferryboat

2238
Ferry boat, Aveiro.

O Tribunal de Contas (TC) deu ‘visto’ ao contrato para a conceção e construção do novo ferryboat elétrico, que foi adjudicado por quase 6,4 milhões de euros.

“Depois de termos ultrapassado o efeito suspensivo de um processo judicial interposto por uma empresa concorrente, este foi o último passo formal do processo que agora permite o arranque da execução do projeto”, informa um comunicado da edilidade.

Já existe um estudo prévio desenvolvido no âmbito do concurso para a construção do ferry destinado a operar no âmbito da concessão Aveirobus.

O prazo de entrega é de 18 meses.

O ferry destina-se a fazer as travessias entre o Forte da Barra e São Jacinto. Por ser elétrico, “vai contribuir com zero emissões de CO2 para a atmosfera” (o atual é responsável por 300 toneladas de CO2).

A nova embarcação terá “níveis baixos de ruído e muito mais conforto para os passageiros”, possuindo mais capacidade de transporte de viaturas (30%) e mais capacidade de transporte de passageiros (90%)”,

A apresentação pública do projeto está agendada para 25 de março.

Artigo relacionado

Aveiro: Impugnação do concurso do novo ferry fica sem efeito suspensivo / Processo de construção prossegue

Publicidade, Serviços & Donativos