Aveiro: Rotunda do ISCA pronta em meio ano

1984
Cruzamento do ISCA, Aveiro.
Smartfire 728×90 – 1

A empreitada de reformulação do nó da Avenida da Universidade (ISCA – UA) para construção da nova rotunda foi adjudicada por 228.000 euros e um prazo de execução de 180 dias.

“Esta é obra de qualificação da rede viária de enorme importância, dada necessidade de melhoria das condições de segurança para o peão, ciclista e automobilista, no cruzamento semaforizado existente na Avenida da Universidade com a Rua Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Aveiro, junto ao ISCA-UA”, refere a edilidade em comunicado.

Por acordo com a Universidade de Aveiro, foi possível “compatibilizar o projeto desta nova rotunda com a sua função de nova entrada e saída do campus”, estando previstas outras “intervenções agregadas a esta que serão anunciadas oportunamente.”

A nova rotunda, que faz parte das obras do Plano Estratégico de Desenvolvimento da Cidade de Aveiro (PEDUCA), decorre no âmbito da reformulação viária desta zona, “visando a melhoria da sustentabilidade rodoviária para os edifícios da ampliação do Hospital Infante D. Pedro, a construir nos terrenos ocupados pelos antigos Armazéns da Câmara e pelo Estádio Mário Duarte.”

Obras na EN 109

A Câmara adianta também que colocou em marcha a elaboração do projeto de execução para a nova rotunda na antiga EN 109 no seu cruzamento com a Rua Vale Caseiro e com a Travessa da Rua da Paz em Cacia (vulgarmente designada por rotunda da Vulcano).

Com um custo de 9.950 tem um prazo de execução de 60 dias.

“Logo que esteja concluído o projeto será lançado o concurso para a respetiva empreitada, dando seguimento ao compromisso de investimento na antiga EN109 melhorando as condições de circulação e segurança num trabalho constante de investimento planificado com a necessária sustentabilidade financeira”, garante a autarquia aveirense, adiantando que está em curso também o projeto para a nova rotunda junto ao Solar das Estatuas (que irá substituir a solução atual de cruzamento. Seguir-se-á o projeto de requalificação da zona urbana da antiga EN 109 (entre a Rotunda da Vulcano e a The Navigator Company).

Parque Canino e USF de Santa Joana

O projeto do futuro Parque Canino na Forca Vouga conheceu também a adjudicação da empreitada.

Uma intervenção integrada “na nova política” dedicada aos ‘Animais de Companhia’ que será executada por 26.912 euros em 90 dias.

O Parque Canino fica do lado nascente do Centro de Congressos, junto à Linha do Norte, em frente ao Pavilhão do Galitos, uma zona de fácil acesso, tendo o projeto sido desenvolvido pelos Técnicos dos Serviços Municipais.

Além da vedação, caixa sanitária, zona de estar para as pessoas que acompanham os animais e iluminação pública, o Parque Canino terá elementos recreativos com escadas, barreiras de salto, prancha e túnel.

Por último, a Câmara dá conta que decorre a reabilitação da Unidade de Saúde Familiar de Santa Joana (investimento de 50.000 euros).

A intervenção “vai permitir resolver um conjunto de patologias do edifício, prolongando a sua vida útil, nomeadamente através da recuperação exterior das alvenarias e das coberturas, para que possa continuar a oferecer mais e melhor conforto aos profissionais e utentes.”