Aveiro: Junta de Freguesia de S. Jacinto dá prioridade ao reequilíbrio financeiro

1879
S. Jacinto, Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

S. Jacinto continuará a ser uma Junta de Freguesia com interesse especial no panorama político e partidário do concelho de Aveiro.

António Aguiar conseguiu ‘segurar’ a presidência pela coligação PS-PAN, ficando a ser a única freguesia socialista, atendendo à ‘queda’ de João Morgado em Eixo-Eirol para dar lugar a Sara Rocha, da ‘Aliança com Aveiro’.

“Tinha essa confiança de voltar a ganhar, apesar da ‘Aliança’ ter feito tudo para vencer. Optei por não responder a muitas provocações, nem a campanha ‘suja’. Respondi quando foi necessário, como aconteceu na Assembleia Municipal”, comentou o presidente reeleito de S. Jacinto.

O PS-PAN continuará em minoria no executivo, uma vez que manteve os seus três eleitos, ficando dependente de consensos. O PSD-CDS-PPM, liderado localmente por Arlindo Tavares, conquistou mais um, passando a três. A CDU ficou reduzida a um dos dois eleitos que tinha.

Curiosamente, a ‘Aliança com Aveiro’ foi a candidatura mais votada para a Câmara, com 231 votos, mais seis que o PS-PAN.

António Aguiar anunciou que a Junta prepara a entrega das contas de 2020, que estão ainda por votar. E assumiu que a prioridade do nova mandato passa por reequilibrar a tesouraria, com os dos próximos orçamentos à medida de assegurar os trabalhos “correntes” e pagar a fornecedores dívidas a rondar 100 mil euros.

Devido a penhoras que foram movidas por credores, a Câmara passou a reter verbas da delegação de competências atribuídas a S. Jacinto.

Artigo relacionado

Aveiro: Reversão de apoios à Junta de S. Jacinto é para cumprir sentenças judiciais, garante presidente da Câmara

A Junta pretende, assim que tomar posse, fazer um ponto de situação de vários assuntos. Desde logo, das dívidas que terão sido liquidadas com verbas municipais, para atualizar a conta corrente e avançar com acordos de pagamento, e das obras previstas para a freguesia, incluindo as tarefas que deveriam ser executadas diretamente pela Câmara por ter reassumido as delegações de competências e a Junta ainda estará a fazer (limpezas, por exemplo).

O futuro do parque de campismo e a requalificação do complexo desportivo são alguns dos dossiês ‘em cima da mesa’ à espera de espera de decisões.

Artigo relacionado

Autárquicas 21 / Aveiro: Ribau Esteves acusa PS de fazer “teatro” em S. Jacinto e quer assumir gestão do parque de campismo

Publicidade, Serviços & Donativos

Para conhecer e ativar campanhas em NoticiasdeAveiro.pt, assim como conhecer / requisitar outros serviços e fazer donativos, utilize a nossa plataforma online.

Comercio 780