Aveiro: Críticas à funcionalidade da nova avenida “não fazem sentido” – Ribau Esteves

5995
Avenida Lourenço Peixinho, Aveiro.
Smartfire 728×90 – 1

Ribau Esteves voltou a minimizar as críticas que têm ecoado, sobretudo, pondo em causa a funcionalidade da circulação viária na renovada Avenida Lourenço Peixinho, nos troços já abertos.

Imagens partilhadas nas redes sociais dão conta de congestionamentos, a continuidade de paragens abusivas em segunda via, viaturas de emergência quase bloqueadas, autocarros parados por terem de dar prioridade, mudanças de sentido nas passadeiras e desrespeito pelas rotundas.

Com “máximo respeito” pelo que é escrito e mostrado, o edil relativizou as queixas. “Não me perturbo com o que é dito por uma pequena minoria ruidosa que vai dizendo coisas que não fazem sentido”, garantiu.

“Nós das duas uma: ou queremos uma cidade para os peões ou queremos uma cidade para a velocidade. E a perfeição não existe. Se tivermos uma cidade para os peões, é evidente que cria alguns constrangimentos, nomeadamente para uma viatura de emergência, que na via antiga podia fazer a avenida a 200 km/hora, como uma qualquer viatura também podia, neste caso incumprindo a lei. A avenida nova não permite isso”, referiu Ribau Esteves.

Avenida Lourenço Peixinho (Foto partilhada no Facebook de Jorge Henriques).

Assim, o autarca diz que é necessário “gerir estas matérias com tranquilidade que as operações de emergência já têm muita experiência no nosso município de haver constrangimentos à velocidade, como passadeiras sobre elevadas”, pelo que considera os reparos “uma não questão” e impõe-se “gerir o equilíbrio dos fatores”.

Artigos relacionados

Aveiro: Ribau Esteves lembra que Avenida não é para “trânsito de passagem”

Aveiro: Câmara anuncia novas fases de trabalhos na Avenida e no Rossio

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.