As vantagens e desvantagens das criptomoedas

422
Imagem Pixabay.
Smartfire 728×90 – 1

Apesar de não serem novas, as criptomoedas nunca foram tão populares como agora. São, inclusive, uma das grandes tendências tecnológicas da actualidade, não só operando uma pequena revolução silenciosa na forma de efetuar transacções financeiras privadas e seguras, como também enquanto instrumento financeiro de grandes possibilidades comerciais.

No entanto, para quem não está por dentro do assunto, as criptomoedas podem parecer um pouco confusas. Afinal de contas, existe várias informação a ser actualizada a um ritmo quase diário, o que faz que quem procure por respostas acabe por encontrar ainda mais perguntas. O curioso é que, após perceber alguns conceitos bases do que são e de como funcionam estas moedas digitais, tudo se torna automaticamente mais simples e até intuitivo.

Por isso, uma das grandes questões que surgem junto dos utilizadores online é quais são as principias vantagens e desvantagens em recorrer a estas criptomoedas. Por um lado, os benefícios são imensos e aparente, mas por outro existem também desvantagens associadas que não deve nunca descurar. Por isso, é fundamental estar ciente de uns e de outros, de forma a perceber e ir ao encontro das suas reais necessidades.

O que são e como funcionam as criptomoedas

Antes de continuar, importa fazer uma ressalva para perceber o que são e como funcionam as criptomoedas. Afinal de contas, é pelo início que devem começar todas as histórias. Assim, podem definir as criptomoedas como uma moeda alternativa às moedas físicas tradicionais, como o dólar ou o euro, mas com uma existência apenas digital.

No entanto, as moedas digitais são totalmente seguras e anónimas, graças à tecnologia blockchain, em que assenta todas as transacções financeiras feitas com criptomoedas. A blockchain é uma tecnologia que se baseia numa espécie de intrincada rede de servidores, com várias ligações potenciadas por diferentes utilizadores aleatórios, que garantem assim a credibilidade e a veracidade de cada transacção, ao mesmo tempo que faz com que todo o processo seja cem por cento tecnológico.

Este mecanismo permite também dispensar uma entidade terciária reguladora, descentralizado por completo todo o processo. Ou seja, enquanto que na vida real é necessário existir uma entidade que garante a credibilidade de todas as transacções – que são as entidades financeiras ou o Banco Central -, no mundo digital tudo isso é garantido com a tecnologia blockchain. É certo que pode recorrer a plataformas como a Kriptomat, que permitem optimizar todo o processo relacionado com criptomoedas, mas no geral este é um sistema que garante a total privacidade de quem quer executar transacções financeiras totalmente anónimas.

Vantagens e desvantagens das moedas digitais

Assim, percebendo o que são e como funcionam as criptomoedas, entendemos imediatamente algumas das suas principais vantagens. E o maior será, por ventura, a total privacidade com que estas transferências financeiras são feitas. Numa altura em que as nossas vidas saltaram quase na totalidade para a world wide web, abrindo uma preocupante reflexão sobre os limites da privacidade e da protecção de dados, as moedas digitais vêm dar uma alternativa financeira totalmente segura neste ponto.

Mas as suas vantagens são se ficam por aí. Como é uma moeda descentralizada, as criptomoedas estão a salvo da inflação, provocada por medidas governamentais e outras interferências exteriores. É certo que o seu valor é extremamente volátil, mas ele está unicamente dependente da relação entre procura e oferta, a relação base de qualquer mercado capitalista. Tudo isso faz também com que as taxas de conversão e de operações financeiras sejam extremamente baixas ou mesmo nulas, garantido uma alternativa mais económica para todos os utilizadores.

Finalmente, não devemos fechar os olhos às desvantagens, porque estas existem também. É o caso de, por exemplo, não haver uma entidade reguladora. Isso significa que, em caso de roubo ou de uma transferência engana, por exemplo, não haver forma de reclamar ou de pedir ajuda. É, por isso, um sector muito sujeito a tentativas de fraude e de burla. Além disso, como as moedas digitais continuam a não ser reconhecidas pela maioria dos governos mundiais, esta continua a não ser aceite por muitos serviços e empresas. No entanto, as vantagens parecem ser claramente superiores às desvantagens, se bem que cabe a cada um de nós fazer a sua própria análise e avaliação, de acordo com as suas reais necessidades e motivações.

Publicidade, Serviços & Donativos

Para conhecer e ativar campanhas em NoticiasdeAveiro.pt, assim como conhecer / requisitar outros serviços e fazer donativos, utilize a nossa plataforma online.

O Notícias de Aveiro tem canais próprios para informação não jornalística como é o caso deste artigo »» ler estatuto editorial.