Anadia: Autarquia internaliza serviços de Agência de Desenvolvimento Regional

1087
WRC – Web para a Região Centro, Anadia.
Smartfire 728×90 – 1

Chegou ao fim a WRC – Web para a Região Centro, uma empresa mista participada maioritariamente pela Câmara de Anadia.

O executivo camarário aprovou, recentemente, uma proposta da presidente, Teresa Cardoso, para a extinção e internalização dos serviços da Agência de Desenvolvimento Regional, assumindo os encargos financeiros daí decorrentes.

Criada em 2002  para atividades relacionadas com o empreendedorismo, a sociedade da informação e a nova economia, a WRC mantinha, entre outros serviços, uma incubadora e uma universidade de terceira idade, que funcionam no edifício do Curia Tecnoparque.

Confrontada com a situação financeira deficitária da empresa, que contava entre os seus acionistas com cerca de quatro dezenas de municípios da região e a Universidade de Aveiro, assim como alguns privados, a autarquia de Anadia entendeu ´chamar a si´ as atividades “que se revestem inequivocamente de relevante interesse público local e até regional”.

A empresa, que desenvolveu projetos financiados por programas comunitários e chegou a prestar serviços a autarquias, apresentou resultados líquidos negativos nos anos de 2014, 2015 e 2017 (252 mil euros), “não se perspetivando que possam ser invertidos”.

A situação financeira impôs mesmo, de acordo com a lei 50/12 que regula o funcionamento das empresas municipais, a sua dissolução.

Em 2017, a WRC gerou 366 mil euros de vendas e prestações de serviços para gastos de 639 mil euros.

Os edifícios do Curia Parque reverterão para o município.