Acusado de pornografia de menores começou a ser julgado em Aveiro

944
Tribunal de Aveiro.

Um cidadão luso brasileiro de 52 anos começou a ser julgado, esta quarta-feira de manhã, no tribunal de Aveiro, por crime de pornografia de menores.

Segundo a acusação do Ministério Público, o arguido, que se encontra em prisão preventiva à ordem do processo, descarregava e partilhava imagens de cariz pornográfico com crianças, a que acedia através de grupos fechados na Internet, utilizando tecnologias para ocultar o seu computador.

O indivíduo, residente em Aveiro, comerciante de antiguidades, chegou a ser alvo de tentativa de chantagem por um utilizador das mesmas redes sociais, ameaçando divulgar que era pedófilo.

A investigação da Polícia Judiciária chegou ao arguido no âmbito de investigações transnacionais de combate a pornografia de menores.

O julgamento decorre com exclusão de publicidade, ou seja à porta fechada, devido ao crime em causa.

Artigo relacionado

Comerciante de antiguidades detido por pornografia de menores

Publicidade, Serviços & Donativos