Academia do Beira-Mar tem aposta renovada à espera do complexo de treinos

2321
Apresentação das equipas técnicas do Beira-Mar (2020-2021).
Dreamweb 728×90 – Video I

O presidente do Beira-Mar destacou hoje a aposta no futebol de formação com incremento de equipas já na próxima época e que terá sequência, quando possível, com a criação de uma equipa de seniores B (sub 23 ou sub21).

Hugo Coelho falava, esta manhã, na apresentação das equipas técnicas de todos os escalões do clube.

Com as obras do futuro complexo de treinos do EMA em fundo, o dirigente máximo dos aurinegros não deixou de relembrar a importância daquela infraestrutura no futuro, permitindo dar “um passo importantíssimo”.

Entre as novidades da formação figura o novo treinador dos juniores (II Divisão Nacional), com o regresso de Cristiano Roland, bem como a criação de uma equipa de juniores B.

O pelouro do futebol está nas mãos de Afonso Miranda, presidente adjunto. “Há seis anos não tínhamos bolas suficientes, tínhamos de colocar anúncios a captar atletas e treinadores. Agora o trabalho está a dar frutos, vamos ter um dos melhores complexos da região centro, mas a parte competitiva é muito importante”, disse, sublinhando a importância do Beira-Mar afirmar-se como “um clube ganhador”.

A direção está disposta a melhorar os recursos humanos, criando a figura do coordenador técnico, que possa ter “uma visão global” da formação, e será feita uma maior aposta no scouting. No plano administrativo, o clube prevê criar o cargo de secretário geral, profissionalizando a sua estrutura.

Artigo relacionado

Beira-Mar com corte de apoios em 40 % aponta à Terceira Liga

Publicidade, Serviços & Donativos