“A equipa sabe que tem de ser competente e vai continuar de cabeça limpa” – Ricardo Maia (treinador do BM)

478
Ricardo Maia, treinador do Beira-Mar (à direita) com Miguel Fernandes (Vista Alegre). Foto do Facebook do Beira-Mar.

O treinador do Beira-Mar mostrou-se satisfeito com o desfecho da receção ao Vista Alegre, este domingo (3-0) a contar para a jornada 13 do campeonato de futebol Sabeg (zona sul).

“Nós hoje queríamos muito voltar à nossa normalidade, que passava por repetir a vitória, mas sabíamos que íamos defrontar um Vista Alegre que chegou aqui muito motivado”, referiu nas habituais declarações no final da partida da divisão de elite do futebol aveirense transmitidas pela rádio Terra Nova.

O desempenho da formação ilhavense nas últimas jornadas impôs respeito. “Para além das três vitórias, não tinha sofrido qualquer golo nas últimas quatro partidas e após um período de adaptação, natural, de um novo treinador, percebemos que é uma equipa muito mais competente, sem querer comparar com o defrontámos na primeira volta. Sabíamos dessa confiança com que chegava aqui”, acrescentou o ‘mister’ aurinegro.

O Beira-Mar acabou por dar uma imagem diferente do desaire em Fermentelos, onde sofreu a primeira derrota. Mesmo assim, só depois do intervalo foi possível anular a resistência visitante.

“Depois de um jogo onde perdemos e onde ficámos em branco, o que não é nada normal no nosso percurso, o primeiro golo equilibrava emocionalmente a equipa, esse golo tardou em chegar e quando chegou tudo pareceu mais fácil. A questão mental teve algum peso na medida em que procurámos desde cedo adiantar-nos no marcador, mas só chegou na segunda parte”, admitiu Ricardo Maia.

“Foi um Beira-Mar que queria muito sacudir o passado mais recente e acabou por construir um resultado volumoso, mas a equipa sabe que tem de ser competente e daqui a para a frente vai continuar de cabeça limpa como esteve. Estamos tranquilos e cientes das dificuldades e do nosso percurso”, concluiu.

Discurso direto

“É uma evidência, viemos a casa do líder, uma equipa que está a fazer um campeonato não imaculado, porque foi abalado na jornada anterior, mas é uma equipa com excelentes argumentos. Para nós, no que são os nossos objetivos, o resultado não mancha rigorosamente nada tudo o que definimos como meta para a época. Tapámos de um lado, destapámos do outro. Aconteceu futebol. Agora queremos preparar bem a próxima jornada, para conquistar três pontos, de forma realista. O principal objetivo é a manutenção – Miguel Fernandes, treinador do Vista Alegre.

Artigo relacionado

Futebol distrital: Aveirenses ‘partiram a loiça’ na segunda parte (BM 3- Vista Alegre 0)

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.