1300 testes de Covid-19 realizados em Anadia / Autarquia aguarda rastreio nos jardins de infância

1071
Paços de Concelho de Anadia.
Smartfire 728×90 – 1

Os rastreios decorrem no âmbito da ‘Operação Testes Lares/MTSSS – UA coordenada pela Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA) com envolvimento do Agrupamento de Centros de Saúde do Baixo Vouga (Aces-BV), Centro Hospitalar Baixo Vouga (CHBV), Universidade de Aveiro (UA) e Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS).

O município lembra em comunicado que “desde a primeira hora, tem estado atento às necessidades deste grupo de risco”, esperando “que este trabalho prossiga” para garantir “a utilização correta dos testes como ferramenta de trabalho na boa gestão de uma das principais populações de risco”.

Logo na fase de mitigação, a edilidade realizou cerca de 700 testes serológicos nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) com a valência de lar.

No total, realizaram-se cerca de 1300 testes nas IPSS com estrutura residencial a funcionar no concelho.
O apoio camarário abrangeu ainda pela distribuição de um vasto conjunto de material de equipamentos de proteção individual, bem como o reforço dos meios financeiros “para que possam fazer face às suas necessidades mais prementes derivadas da pandemia.”

Testes nos jardins de infância esperam pelo Ministério da Educação

O encargo financeiro ronda até agora cerca de 165 mil euros, fazendo parte de um pacote mais abrangente de apoios.
Mais recentemente, foram realizados testes aos colaboradores das IPSS, com valência de creche e pré-escolar que reabriram a 18 de maio ou contam entrar em atividade a 1 de junho.

O Governo assumiu nestes casos “diretamente” os rastreios numa operação articulada entre o Centro Distrital da Segurança Social e ARS do Centro.

A partir do dia 1 de junho reabrem os jardins de infância nos estabelecimentos da rede pública. A Câmara de Anadia espera que o Ministério da Educação “também assegure a realização de testes a todos as educadoras e colaboradoras da rede pública do pré-escolar, embora até à data não tenha sido estabelecido qualquer tipo de contacto com o município nesse sentido.”

Publicidade, Serviços & Donativos