Vagos: “Aspeto exterior” do Palacete Visconde de Valdemouro “será exatamente o mesmo” – presidente da Câmara

981
Palacete Visconde de Valdemouro (foto no Facebooj de Paulo Grave).

A derrocada de parte das traseiras do Palacete Visconde de Valdemouro, no centro da vila de Vagos, criou problemas estruturais no edifício que só poderão ser resolvidas com “demolições controladas”. As causas e ainda  estão a ser apuradas.

Informação transmitida pelo presidente da autarquia na última Assembleia Municipal prestar esclarecimento sobre o “acidente” ocorrido no início de setembro.

“No final, o aspeto exterior do edifício será exatamente o mesmo que tinha, com um outro ajustamento técnico”, ressalvou Silvério Regalado.

Realizados alguns trabalhos de “acompanhamento técnico”, concluiu-se que, “provavelmente, tendo a estrutura ficado afetada, não será apenas aquela parte que deixará de existir”, tendo de ser executadas “mais demolições controladas”.

O Palacete Visconde de Valdemouro, edifício municipal histórico, está a ser alvo de uma obra de reabilitação e ampliação.

“Foi um acidente. Nunca no projeto, que foi discutido com um número elevado de pessoas e instituições, e muito menos na fase de obra, a Câmara alertada para o perigo de ruir coisa alguma”, reafirmou o edil.

No dia da derrocada tinha sido realiza da 12ª medição de acompanhamento da obra, com analise topográfica, concluindo que o edifício “estava no mesmo sítio”.

A “aparência exterior ficará na mesma, é nisso que estamos a trabalhar com o projetista, empreiteiro e outras entidades que a seu tempo daremos conhecimento”, insistiu Silvério Regalado.

Sobre as causas, responsabilidades e consequências, incluindo financeiras, o autarca vaguense referiu que há averiguações em curso.

“As responsabilidades serão apuradas, deixemos os técnicos fazerem o seu trabalho. Se vai custar mais ou menos, quando for o momento de discutir isso, a Câmara tomará providências para não sair prejudicada”, garantiu.

Artigos relacionados

Palacete Visconde de Valdemouro: Comunicado da Câmara de Vagos sobre derrocada

Vagos: Ruiu parte do Palacete Visconde de Valdemouro

 

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.