Turismo de Portugal disponibiliza mais de 600 mil euros para promover enoturismo no Centro

163
Enoturismo, Bairrada.

O Turismo de Portugal anunciou hoje, em Anadia, o lançamento do ‘Programa de Qualificação da Oferta Enoturística da Região Centro’, com um investimento de 630 mil euros, verba a encaminhar no âmbito do ‘Programa de Ação para o Enoturismo em Portugal’, através da ‘Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior’.

O projeto está a ser promovido em parceria por cinco regiões vitivinícolas – Bairrada, Dão, Beira Interior, Lisboa e Tejo -, consistindo “na estruturação e qualificação da oferta, nomeadamente, através da elaboração de um manual de boas práticas das atividades enoturísticas, um kit técnico-formativo e a conceção de produtos enoturísticos personalizados, a promoção destes produtos e a sua distribuição e comercialização.” Outra das apostas, segundo informa o Turismo de Portugal passa pela “formação, com o objetivo de capacitar mais de 200 técnicos na área do Enoturismo, nas cinco regiões vitivinícolas.”

A iniciativa faz parte do ‘Programa de Ação para o Enoturismo em Portugal 2019-2021’, que define “um conjunto de metas para posicionar o país como um dos destinos mais conhecidos neste segmento e o enoturismo como uma prioridade para o desenvolvimento turístico nacional.”

O investimento previsto, a três anos, é de 5 milhões de euros para ações de promoção e formação que permitam “potenciar o cross-selling entre ‘vinho’ e ‘turismo’, induzir boas práticas nos agentes do setor, contribuir para a estruturação e valorização de destinos e rotas de Enoturismo e valorizar os territórios vinhateiros, contribuindo para a coesão da atividade turística por todo o país e ao longo de todo o ano.”

Publicidade, Serviços & Donativos