SEF detetou quatro cidadãos ilegais em Aveiro

6870
Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) detetou sete cidadãos estrangeiros em situação irregular nas cidades de Aveiro e de Viseu, durante ações de fiscalização em unidades industriais e em terminais rodoviários.

Em Aveiro, os inspetores daquele orgão de polícia criminal detetaram cerca de 30 cidadãos estrangeiros, quatro deles em situação documental irregular no nosso país.

As pessoas em causa foram notificadas para abandono voluntário de território nacional no prazo de 20 dias, sob pena de, em caso de incumprimento, puderem ser alvo de procedimentos coercivos de afastamento. O SEF informa que instaurou ainda dois procedimentos contraordenacionais às entidades patronais que tinham ao seu serviço trabalhadores estrangeiros em situação irregular, cujas coimas, no total, podem variar entre os 4000 e os 20000 euros.

Já em Viseu foram detetados três cidadãos estrangeiros em situação irregular, um dos quais foi notificado para abandono voluntário, enquanto os outros dois acabaram mesmo por ser detidos por permanência irregular e por utilização de documento de identificação alheio, tendo ainda sido constituído arguido no âmbito de outro processo e em cumprimento de uma medida cautelar de natureza judicial.

Segundo o comunicado, “estas operações de fiscalização estão incluídas numa planificação geral de controlo da permanência de cidadãos estrangeiros em território nacional e de sinalização, prevenção e combate à exploração da atividade de indivíduos de nacionalidades estrangeiras em situação documental irregular no nosso país.”

Publicidade, Serviços & Donativos