PS pede correções junto à nova rotunda do ISCA e requalificação da avenida da Universidade

1136
Avenida da Universidade, Aveiro.
Dreamweb 728×90 – Video I

Os vereadores do PS na Câmara de Aveiro aproveitaram a reunião privada do executivo, esta tarde, para propor que se avance com a qualificação da avenida da Universidade, “dando-lhe o perfil urbano que se adequa à sua utilização”.

De acordo com um comunicado, os eleitos socialistas liderados por Manuel Oliveira de Sousa defenderam que a intervenção deveria prever a instalação de ciclovia, passeios, ajardinamento, entre outros melhoramentos.

Uma obra que deveria decorrer “no seguimento da construção da rotunda” do ISCA-UA, entretanto já aberta ao trânsito.

Sobre a obra que permitiu retirar os semáforos, o PS alerta que “os pilaretes que segregam a ciclovia” estão “demasiado expostos à via automóvel”, importando a sua correção “de modo a reforçar a segurança”.

Os vereadores deram “nota positiva sobre o processo de construção”, por ter sido feita com o “cuidado da minimização de constrangimento à população”.

Melhoramentos rodoviários em Cacia e Eixo, atividades marginais nos antigos Laticínios

Ainda no âmbito das rodovias, o PS pediu a atualização da sinalética vertical na rotunda da Junqueira, na ex EN 109, em Cacia, “em particular no sentido Norte-Sul.

Os socialistas deixaram ainda uma nota de preocupação com a Rua do Barreiro, em Eixo, uma zona que “tem tido grandes constrangimentos no tráfego”, solicitando a melhoria da sinalética, da pavimentação e ações “com as forças de segurança de modo a melhorar a fiscalização do tráfego de modo a reduzir a insegurança rodoviária.”

O PS deixou ainda uma chamada de atenção para problemas na zona dos antigos Laticínios de Aveiro, Vila Jovem, Rua de Anadia. Existem “relatos de utilização do espaço, que está ao abandono, para atividades marginais, que causam alguma insegurança aos moradores e comerciantes”. A Câmara foi questionada sobre a existência de projetos para aquela parcela de terreno.

Sobre o derrube de árvores na Praça do Marquês de Pombal e Parque da Cidade que “tem causado preocupação a alguns munícipes”, os vereadores questionaram as razões do abate e pediram informações sobre a operação de rearborização nas zonas afectadas.

Publicidade, Serviços & Donativos