OP de Sever do Vouga entrega 51.281 euros para projetos comunitários

829
Orçamento Participativo, Sever do Vouga.
Smartfire 728×90 – 1

Sever do Vouga elegeu os projetos que vão integrar o Orçamento Municipal para 2019, no âmbito do Orçamento Participativo.

São eles a requalificação do ringue desportivo de Pessegueiro do Vouga, a aquisição de um equipamento para o combate às vespas asiáticas e, ainda, a limpeza do rio Gresso e de quatro corgas (Pontinha, Azenha, Crasto e Gresso) para caminhadas ao longo dos percursos de água foram as propostas vencedoras entre as nove que foram à votação. Nesta segunda edição, o valor do investimento total a ser feito pela Câmara soma os 51.281 euros.

Uma nota de imprensa adianta que o presidente da Câmara, António Coutinho,”mostrou-se satisfeito por muitas das propostas apresentadas irem ao encontro das estratégias municipais de desenvolvimento, revelando sintonia entre os anseios da comunidade e as opções tomadas pelo executivo”.

O projeto mais votado, com 347 votos, foi a ‘Requalificação do ringue desportivo de Pessegueiro do Vouga’ que prevê melhoramentos da infraestrutura desportiva localizada junto ao Centro Social de Pessegueiro, estando dotada de um apoio de 21.736 euros.

Em segundo lugar, ficou o projeto de Rocas do Vouga para o ‘Combate à vespa velutina ou asiática’, destinado a aquisição de um equipamento especialmente concebido para eliminar este inseto predador de outras abelhas (5.750 euros).

O projeto da freguesia de Couto de Esteves que também abrange a de Rocas do Vouga os “Caminhos da Água” propõem a limpeza do rio Gresso e de quatro corgas (Pontinha, Azenha, Crasto e Gresso) para criação de caminhadas ao longo dos percursos de água e panfletos para sensibilização da população e proprietários pela limpeza das linhas de água (23.795 euros).

A edição de 2018 registou uma menor participação, tanto no número de propostas apresentadas como no número de votos, mas o líder da edilidade considera que o Orçamento Participativo de Sever do Vouga “funciona e está vivo”.

A edilidade vê nos projetos vencedores um “impacto positivo em todo o território concelhio”, contribuindo para o desenvolvimento de Sever do Vouga e bem-estar da população e “uma maior participação cívica” da comunidade local.