Núcleo de Espeleologia da UA faz primeiro mergulho subterrâneo da história de Timor

192
Núcleo de Espeleologia da Universidade de Aveiro.
Smartfire 728×90 – 1

Cerca de um quilómetro de gruta mapeada em Maubice, no município de Ainaro, um mergulho subterrâneo em Baucau, a sensibilização da população para a poluição das águas e a continuação das actividades de formação em espeleologia.

Estes são alguns dos avanços conseguidos pelos membros do Núcleo de Espeleologia da Universidade de Aveiro, Secção de Antigos Alunos, durante a expedição que integraram de 9 de setembro a 6 de outubro, em Timor-Leste (ler artigo).