Albergaria-A-Velha: Município investe mais de 200 mil euros em novas tecnologias no 1.º Ciclo

1397
Albergaria-a-Velha (centro).
Smartfire 728×90 – 1

No âmbito do Programa de Desenvolvimento Tecnológico da Educação – Rede de Inovação em Educação do Município de Albergaria-a-Velha, a Câmara Municipal vai investir 211 763,69 euros na aquisição de tablets, licenças de manuais digitais e acessos à Escola Virtual para as crianças do 1.º Ciclo da Rede Pública do Concelho.

Os tablets e licenças de manuais digitais vão abranger 455 estudantes do 3.º e 4.º ano, enquanto os acessos à Escola Virtual serão para as 926 crianças do 1.º Ciclo. Todo o material será disponibilizado de forma gratuita.

Devido à pandemia da Covid-19, a comunidade educativa debateu-se com a necessidade imperiosa de utilizar as plataformas digitais de comunicação como meio primordial para a partilha de saberes entre alunos, encarregados de educação e docentes. Com efeito, o cenário pandémico impulsionou e criou a oportunidade de acelerar o processo-aprendizagem numa ótica digital e informatizada.

Embora os estabelecimentos de ensino Albergarienses estejam a ser preparados para o ensino presencial, em segurança, no ano letivo 2020/2021, o Município de Albergaria-a-Velha quer aproveitar o impulso dado em termos de metodologias de ensino inovadoras e desenvolvê-las em sala de aula. Se a evolução da pandemia obrigar a um regresso do ensino à distância, de forma total ou parcial, as crianças e docentes estarão melhor preparadas para enfrentar este desafio com melhores ferramentas de trabalho.

Para Catarina Mendes, Vereadora da Educação, “é mais um passo na melhoria dos processos de ensino e de aprendizagem, acreditando que os recursos disponíveis e o empenho de todos (alunos, professores, famílias) farão a diferença no sucesso educativo.”

Município de Albergaria-a-Velha

Publicidade, Serviços & Donativos