Mulher “castigada” no emprego carrega a mesma palete mais de 30 vezes por dia (JN)

184
Jornal de Notícias.
Smartfire 728×90 – 1

O Tribunal da Relação do Porto obrigou uma empresa de cortiça de Paços de Brandão, Feira, a indemnizar e a reintegrar uma trabalhadora que tinha sido despedida.

O Sindicato da Cortiça diz que a mulher foi, agora, colocada diariamente de “castigo” a carregar e a descarregar sempre os mesmos sacos de rolhas numa palete, adianta o JN (ler artigo).